dcsimg

ENCONTRE SEU
PLANO DE SAÚDE
EM 30 SEGUNDOS!

ENCONTRE SEU PLANO DE SAÚDE EM 30 SEGUNDOS!

Qual plano você precisa?

Como driblar o aumento de preços dos medicamentos

Todos os anos, o Governo autoriza o aumento dos preços dos medicamentos, e isso costuma ocorrer no primeiro semestre do ano.

O reajuste é autorizado pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED), órgão que conta com a participação da Anvisa.

A regulamentação é válida para mais de 19 mil tipos de medicamentos e que se dividem em três classes: terapêuticas sem evidência de concentração, terapêuticas moderadamente concentradas e terapêuticas fortemente concentradas.

Para cada um desses medicamentos, existe um valor máximo que pode ser comercializado e um percentual de aumento que é estabelecido pela classe.

Clique aqui e faça a cotação do seu plano de saúde.

Para se ter uma ideia, no ano de 2017 o aumento máximo permitido foi de 4,76%.

Para o consumidor, esse aumento pode ter um grande impacto financeiro, já que existem pessoas que utilizam diversos medicamentos.

Porém, existem algumas dicas que podem te fazer conseguir remédios com desconto ou mais barato. Atente-se a elas e poupe um bom dinheiro.

Como driblar o aumento de preços dos medicamentos

Que tal cuidar da sua saúde agora? Aproveite e faça a cotação do seu plano de saúde.

Farmácia Popular

Esse é um programa do Governo Federal que utiliza unidades de uma rede própria e também a rede do comércio varejista.

Os locais são identificados pela informação “Aqui Tem Farmácia Popular” e permite que se adquiram alguns medicamentos gratuitos e outros com descontos que chegam a 90%.

Existe uma lista que faz parte do programa e para conseguir usufruir do benefício é preciso apresentar a receita médica.

Além dos medicamentos, existem outros 11 mil itens que podem ser conseguidos com desconto, como as fraldas geriátricas.

Desconto das farmacêuticas

Os laboratórios farmacêuticos também possuem programas de desconto, sendo que o percentual pode chegar a 68%.

São diversos os medicamentos que permitem que se tenha esse desconto, sendo que muitos deles são destinados para doenças crônicas, mas também existe os para uso corriqueiro.

Se deseja usufruir do benefício, é preciso se cadastrar no laboratório que oferece o medicamento. O cadastro pode ser feito em mais de um laboratório, se necessário.

Saiba mais sobre os descontos dos laboratórios para comprar medicamentos mais baratos.

Normalmente, o cadastro é realizado no site ou por telefone, e é preciso ter a receita médica em mãos.

Depois de cadastrado, deve-se ir até uma das farmácias credenciadas para adquirir o medicamento com desconto.

Esse programa, segundo as farmacêuticas, virá não apenas facilitar o acesso aos medicamentos, como também orientar os usuários sobre diversas doenças.

Eles recebem diversas informações e orientações de como se cuidar melhor e ter uma vida mais saudável.

O que faz com que esse benefício seja pouco conhecido é a sua proibição de divulgação. Caso haja divulgação do programa, o fabricante pode ser punido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Desconto dos planos de saúde

Os planos de saúde também oferecem aos seus beneficiários opções para comprar alguns medicamentos e outros itens com desconto.

Vale ressaltar que essa não é uma regra, mas um diferencial e benefício extra que algumas operadoras disponibilizam para os seus beneficiários.

Entenda melhor sobre os descontos de medicamentos nos planos de saúde.

Hoje, as maiores operadoras contam com algum programa que disponibiliza esse desconto.

No geral, basta ser cliente para poder aproveitar a vantagem. Cada operadora possui a sua rede ou redes de farmácia credenciada.

O cliente chega a esses estabelecimentos para fazer a compra do medicamento e recebe um desconto na hora do pagamento, basta apresentar a carteirinha do plano.

O uso é bastante simples, porém, não são todos os medicamentos que recebem algum tipo de desconto.

Para saber se a sua operadora de saúde oferece algum programa desse tipo, e quais os pontos credenciados, é preciso entrar em contato com ela.

Compartilhe esse artigo nas redes sociais:
O que você achou deste artigo? Sua avaliação é muito importante para nós!
Por favor, atribua uma nota:

avaliação
Rating

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.