dcsimg

ENCONTRE SEU
PLANO DE SAÚDE
EM 30 SEGUNDOS!

ENCONTRE SEU PLANO DE SAÚDE EM 30 SEGUNDOS!

Qual o seu DDD?


ou ver Listas Patrocinadas

Como exigir seus direitos após contratar um plano de saúde

O plano de saúde é um dos mais importantes desejos de consumo dos brasileiros. Há inúmeras empresas que oferecem seus serviços, mas na hora de utilizá-los, saiba como agir para exigir seus direitos caso o atendimento não seja satisfatório.

Como exigir seus direitos após contratar um plano de saúde

Na hora de contratar um plano de saúde as seguradoras mostram que tudo são flores, porém, algumas não cumprem com o oferecido.

A boa notícia é que você pode e tem para onde reclamar e exigir seus direitos. A ANS é uma opção favorável ao usuário de plano de saúde. Veja mais!

Clique aqui e faça a cotação do seu plano de saúde.

É comum ter problemas após a contratação do plano de saúde?

Uma pesquisa realizada pela APM – Associação Paulista de Medicina constatou que 79% dos usuários de planos de saúde têm problemas ao acionar as operadoras, a pesquisa foi feita em parceria com o Datafolha e divulgada na última quinta-feira,17.

Uma fatia de 30% declarou que recorreu ao Sistema Único de Saúde (SUS) ou ao atendimento particular por causa da falta de opções de atendimento no plano de saúde contratado, isso revelou um aumento de 50% em relação à pesquisa do ano passado. Foram 861 pessoas acima dos 18 anos entrevistadas.

Uma das principais reclamações é sobre o atendimento em pronto-socorro, que corresponde a 80% dos problemas relatados. É 4,3 % a média de problemas por pessoa.

O que fazer quando você se sentir lesado pelo seu plano de saúde e exigir seus direitos?

Você pode recorrer a ANS – Agência Nacional de Saúde Complementar

Que tal cuidar da sua saúde agora? Aproveite e faça a cotação do seu plano de saúde.

A Agência Nacional de Saúde Complementar é vinculada ao Ministério da Saúde e é responsável pelo regulamento das empresas de planos de saúde há 13 anos. É ela que exige a efetividade e fiscaliza seus serviços. Isso a define como agência reguladora.

De acordo com o tipo de reclamação você pode:

• Usar o disque ANS 0800 701 9656;

• Entrar em contato através do preenchimento de um formulário na página da Agência Nacional de Saúde Complementar;

• Enviar uma carta ou comparecer pessoalmente em um dos endereços mais próximos da sua residência. Há núcleos da ANS em 12 cidades brasileiras, são elas: São Paulo, Salvador, Recife, Rio de Janeiro, Ribeirão Preto, Porto Alegre, Fortaleza, Curitiba, Cuiabá, Brasília, Belo Horizonte e Belém. O atendimento é de segunda a sexta, das 8h às 20h, exceto feriados nacionais.

É muito importante sempre que assinar um contrato guardar todas as cópias do procedimento, para futuras consultas. Guarde a Declaração de Saúde e todos os papéis dos contratos.

A ANS não define prazos máximos para a conclusão da análise de reclamações feitas pelo consumidor.

Além da ANS você pode buscar ajuda também através do Procon.

Procon é o Órgão de Proteção e Defesa do Consumidor, funciona como um órgão auxiliar do Poder Judiciário, pode ser estadual ou municipal, é parte integrante do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor. São mais 800 unidades de atendimento do Procon em todo o Brasil.

Você pode fazer sua reclamação:

• Pessoalmente: realizado nos núcleos de atendimento, a reclamação pode ser também escrita por meio de uma procuração, procure o Procon mais perto de você;

• Telefone, você pode procurar o mais próximo da sua cidade;

• Procon Digital: plataforma que funciona 24h, para denúncias e orientações, você pode procurar o endereço do Procon de sua cidade através do site do governo Portal do Consumidor.

As reclamações feitas no Procon tem o prazo de conclusão de até 120 dias.

Em situações emergenciais você pode buscar pelo Poder Judiciário, pois há a possibilidade da obtenção de liminar.

Na situação de acontecer a negativa de procedimento, as operadoras de saúde devem informar por escrito o motivo da recusa, neste caso se o consumidor solicitar.

O que devo saber antes de contratar um plano de saúde?

Veja se a seguradora é confiável. Para isso, você precisa solicitar à empresa o número de registro da operadora e do registro na ANS. No site da própria ANS você pode conferir essas informações e verificar ainda a posição dela no ranking.

Analise também, com muita atenção, o contrato e tudo o que ele inclui, como seus direitos, deveres e coberturas inclusas. Sempre que tiver dúvidas, sane-as com o seu corretor de seguros. É importante que você entenda como funciona o seu plano em 100%.

Você já formalizou alguma reclamação sobre seu plano de saúde? Que meio utilizou?

Compartilhe esse artigo nas redes sociais:
O que você achou deste artigo? Sua avaliação é muito importante para nós!
Por favor, atribua uma nota:

avaliação
Rating

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.