dcsimg

ENCONTRE SEU
PLANO DE SAÚDE
EM 30 SEGUNDOS!

ENCONTRE SEU PLANO DE SAÚDE EM 30 SEGUNDOS!

Qual o seu DDD?


ou ver Listas Patrocinadas

Guia da gestante para se proteger do zika

Guia da gestante para se proteger do zikaPrevenção contra o zika é a melhor forma de tratar a doença.

O zika vem causando grande preocupação, principalmente porque existe a suspeita de relação com a microcefalia. Para tentar fazer um acompanhamento mais completo da gestante e ter maior controle sobre a doença, o Ministério da Saúde lançou no começo de março a Caderneta da Gestante.

Esse será um documento utilizado pela gestante e profissionais de saúde do SUS que irá registrar todo o pré-natal e também trazer informações de como se proteger do Aedes aegypti. Ela ainda permitirá que a mulher registre alguns corridos e percepções durante a gravidez que poderão auxiliar no trabalho médico.

O objetivo é que ela possa permitir que a mulher consiga fazer todo o acompanhamento durante a gestação, mas também tenha informações e orientações sobre diversas doenças. A caderneta possui uma linguagem simples e figura ilustrativa para conseguir atingir a todos os públicos. Nela é possível encontrar informações muito úteis durante a gestação, mas confira algumas sobre o zika vírus agora.

O que é o zika vírus?

O zika vírus é uma doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti que também transmite outras doenças como a dengue e a chikungunya. Essa é uma doença recente no Brasil que foi registrada em pela primeira vez em 2015.

Clique aqui e faça a cotação do seu plano de saúde.

Após a picada do mosquito existe um período de incubação do vírus que costuma durar de 4 a 12 dias e após isso podem surgir os sintomas. Os mais conhecidos são manchas pela pele, dores musculares, conjuntivite, febre baixa e dor de cabeça que duram até 1 semana.

Todo mundo que tem o vírus apresenta algum sintoma?

Guia da gestante

Na verdade, a maioria das pessoas não apresenta nenhum sintoma é comum que apenas 0% das pessoas infectadas venham a apresentar alguma reação.

Como que o vírus é transmitido?

Ele é transmitido aos series humanos pela picado do mosquito Aedes aegypti que estão infectados. Por isso é muito importante atuar de maneira preventiva na reprodução do mosquito.

Que tal cuidar da sua saúde agora? Aproveite e faça a cotação do seu plano de saúde.

Existe também a possibilidade de transmissão por relação sexual e outros fluídos corporais que ainda estão sendo estudadas e não se tem todas as comprovações cientificas necessárias.

No caso de contrair o zika, como deve ser feito o tratamento?

Não existe um tratamento específico para o vírus, o próprio organismo se incumbe de eliminá-lo. Porém, para os sintomas podem ser ministrados alguns medicamentos como o paracetamol que visam diminuir a febre e dores musculares.

Porém, é muito importante procurar um serviço de saúde antes de começar a se automedicar, isso porque determinados medicamentos podem agravar ainda mais o problema.

O que a Síndrome de Guillain-Barré tem a ver com o zika vírus?

A Síndrome de Guillain-Barré é uma doença que atinge o sistema nervoso periférico e pode ser desencadeada por diversos fatores, um deles o zika. A doença causa formigamento e fraqueza nos membros inferiores e por isso é importante procurar um médico o mais rápido possível, isso porque quando em grau avançado pode levar a paralisia das pernas.

O que é a microcefalia?

microcefalia

A microcefalia é um problema no qual a criança nas com a circunferência da cabeça inferior ao tamanho padrão, podendo isso interferir no seu desenvolvimento neurológico. Esse medicação pode ser feita pela ultrassonografia ou utilizando uma fita métrica após o nascimento da criança. A medida vai variar de acordo com a idade do bebê e também com o feto, sendo que agora o Brasil está utilizando as medidas recomendadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS), após já ter feito diversas alteração.

A microcefalia pode ser causada por diversos fatores como causas genéticas, uso de álcool, exposição à radiação, falta de oxigenação no cérebro e outros.

Qual a relação do zika vírus com a microcefalia?

Existem diversos casos de gestantes que adquiriram o zika vírus e que tiveram ilhós com microcefalia, porém ainda não se sabe exatamente como é que funciona esse mecanismo. O que se sabe é que ao a mãe ser contaminada o vírus entra na circulação sanguínea podendo chegar até o feto, no qual irá atacar o sistema nervoso.

Porém, vale ressaltar que nem todas as gestantes que tiveram zica deram à luz a crianças com microcefalia.

Mãe com o vírus pode amamentar?

Mãe com o vírus pode amamentar?Até o momento não existe nenhuma pesquisa conclusiva de que o vírus seja transmitido pelo leite materno e que possa contaminar o bebê. A recomendação tanto de especialista como da OMS é que a amamentação continue, pois esse é a melhor forma de ajudar a criança a criar anticorpos e reforçar o seu sistema imunológico.

Existe alguma vacina contra o zika vírus?

Até o momento não á nenhuma vacina, apesar de haverem muito pesquisadores trabalhando nele. Porém, não há previsão de que ele fique pronta em menos de 2 anos, sendo ainda a prevenção a melhor forma de evitar a doença.

Maneiras de se prevenir do zica vírus

Impedir que o mosquito se reproduza

Essa ainda é a melhor forma de evitar que as pessoas se contaminem e por isso deve se evitar água parada. Isso porque o mosquito deposita os seus ovos na água que encontram condições ideias para virar larva e posteriormente mosquito.

É preciso acabar com os focos impedindo que haja água parada seja em vasos de plantas, garrafas tampinhas ou quais outros locais ou objetos. Deve-se começar pela sua casa, mas essa ação deve se estender aos vizinhos, pois o mosquito costuma atingir um raio de até 1km.

Fazer uso de repelentes

Repelente

É preciso estar sempre usando repelentes para manter o mosquito afastado e assim evitar a picada. Existem basicamente 3 componentes mais usados nos repelentes: Icaridina, DEET, IR 3535.

Nesse caso é preciso conversar com o seu médico qual o repelente mais indicado e também se atentar a duração do efeito de cada um que pode chegar até a 10 horas. Após esse período é preciso reaplicar o repelente para que o efeito possa permanecer.

Usar roupas que cubram o corpo

É recomendado que as gestantes usem calça e blusa de manga comprida, pois assim conseguem criar uma barreira de proteção, evitando a picada.

Colocar telas em casa

As telas devem ser aplicadas nas janelas para permitir que o vento circule na sua casa mas impeça a entrada do mosquito. É preciso se atentar ao tamanho dos buraquinhos de tela, afinal eles precisam ser pequenos para impedir a entrada dos mosquitos. Mesmo com o uso de telas o uso do repelente é indispensável.

Evitar viagens

Algumas regiões do país estão com surto de infestação de zica vírus, por isso as gestantes não são orientadas a viajar para esses locais. Caso seja inevitável é preciso adotar todos os cuidados para evitar o contágio.

Usar camisinha

Mesmo a mulher tendo um parceiro fixo é recomendável o uso de camisinha nas relações sexuais. Isso porque o vírus pode ser transmitido dessa forma e essa seria mais um forma de impedir a contaminação.

Compartilhe esse artigo nas redes sociais:
O que você achou deste artigo? Sua avaliação é muito importante para nós!
Por favor, atribua uma nota:

avaliação
Rating

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.