Plano de saúde cobre geneticista?

Algumas doenças ou pré-disposições são hereditárias e estão presente nos genes dos indivíduos. Saber se o plano de saúde cobre geneticista pode ser um determinante na hora do diagnóstico. Por isso, conheça mais sobre esse direito de quem tem plano de saúde.

Um geneticista é um médico que estuda e atua na área da genética. Apesar de não possuir um nome muito comentado pela população em geral, esse profissional pode detectar doenças muito importantes.

O diagnóstico rápido e precoce pode ser crucial na hora do tratamento dessas enfermidades, por isso, ter essa assistência do plano de saúde pode fazer toda a diferença no resultado final do processo.Plano de saúde cobre geneticista?

Plano de saúde cobre geneticista?

Uma diretriz publicada pela ANS em dezembro de 2013, determinou que a partir do dia 02/01/2014 os planos de saúde devem oferecer 29 exames genéticos que servem para detectar diversas doenças hereditárias. Assim, os planos devem prestar assistência aos seus clientes que necessitarem desse atendimento.

Esses procedimentos já eram obrigatórios antes da diretriz de 2013, porém, ela serviu para criar critérios de utilização desses exames e padronizar quem deve receber esse tipo de atendimento, além de aumentar a cobertura dos planos de saúde.

Essa padronização também serve para haja uma diminuição no numero de reclamações feitas pelos clientes, já que há uma maior clareza sobre como proceder em cada caso.

Saber os direitos do cliente pode fazer toda a diferença

Certas informações podem facilitar a vida dos clientes dos planos de saúde, como por exemplo, saber se o plano de saúde cobre geneticista. Em determinados casos, o cliente não sabe ao certo o que pode ou não exigir do seu plano, e pode acabar tendo prejuízo.

Algumas empresas também podem se aproveitar dessa falta de conhecimento dos clientes, e acabam negando procedimentos que são direito do paciente. Assim, ele fica sem assistência e precisa correr atrás de coisas que deveria ter automaticamente.

Lista de doenças que são abrangidas pela diretriz

Dentre as doenças inclusas estão o câncer de mama e ovário hereditários, ou seja, exames que analisem os genes BRCA1/BRCA2, além de hemofilia A e B, carcinoma medular de tiroide familiar, osteogênese imperfeita e fibrose cística e doenças relacionadas ao gene CFTR.

Além disso, algumas síndromes estão inclusas, como síndrome de Noonan, de Williams-Beuren, síndrome de Angelman e de Prader-Willi, além de síndrome de Charge, de Cowden e de Marfan.

Agora você sabe quais exames estão inclusos nos planos de saúde na área genética, e que essa determinação vem da Agencia Nacional de Saúde. Caso ainda haja alguma dúvida sobre o plano de saúde cobrir geneticista, e quais dessas doenças estão inclusas nessa obrigatoriedade, deixe nos comentários.

Graviola é a fruta deliciosa com poder para curar o câncer

A graviola pode ser consumida sob a forma de sucos, chás ou cápsulas. Seu poder na cura do câncer vem sendo divulgado pela ciência e a mídia, mas precisa ser consumida moderadamente, porque em excesso é tóxica.

A graviola é fruta da espécie Annonaceae e seu nome científico é Annona muricata. É originária das ilhas caribenhas, com formato de coração e cresce em regiões tropicais, em árvores que podem atingir a altura de 6 metros. Sua polpa suculenta e deliciosa tem peso que varia de 1 a 6 quilos. Ela parece muito com uma pinha, de cor verde escuro, que muda para o verde claro à medida que amadurece. Suas sementes são pretas e brilhantes. Ela já está muito bem adaptada à região norte do Brasil, pois gosta de clima quente e úmido.

Graviola é a fruta deliciosa com poder para curar o câncer

Imagem: corpomentesaude

A graviola é considerada deliciosa e é usada não somente para alimentação, na forma de sorvetes, iogurtes e sucos, mas também para fins medicinais, com o aproveitamento de folhas para chá. Ela é rica em vitaminas do Complexo B e vitamina C. O valor nutricional da graviola é muito alto:

Graviola

Quantidade por porção (100g)
Calorias          –     66 kcal

Água –                   82,8 g

Proteína –              1,00 g

Gorduras –             0,97 g

Carboidratos –      14,63 g

Fibras –                   3,3 g

Cálcio –                  14 mg

Fósforo –                27 mg

Potássio –              278 mg

Ferro –                  0,64 mg

Tiamina –              0,11 mg

Riboflavina –         0,05 mg

Niancina –              1,28 mg

Ácido Ascórbico   20,6 mg 

A graviola é rica é água, com propriedades de um diurético natural, graças ao baixo teor de sódio presente na sua composição. Ela possui poucas calorias, poderia ser por esse motivo indicada para dietas, no entanto, ela possui muito açúcar na forma de frutose e glucose.

Os muitos benefícios da graviola

A graviola é utilizada há muito tempo para tratar várias doenças. Já foi comprovado que ela contém propriedades antifúngicas, anti-inflamatórias e antimicrobianas. Até mesmo é usada com sucesso para o combate à infestação por piolhos, quando é adicionada à arruda e à fruta do conde, segundo os pesquisadores Raquel Moroni e Fábio Bezerra, publicado em 2012.

Graviola é a fruta deliciosa com poder para curar o câncer

Imagem: meubloguezinho

Graviola no tratamento do câncer

O seu uso contra o câncer é polêmico, porque as pesquisas ainda estão na fase inicial de observação em camundongos, mas alguns estudos já indicam que o efeito da graviola contra o câncer é 10.000 vezes maior que a adriamicina. Esse é um medicamento que é muito utilizado para diversos tipos de câncer, por esse motivo a graviola vem sendo usada para essa finalidade. Algumas investigações e estudos mostraram sua propriedade de proteção celular, com eficácia contra células cancerígenas multirresistentes. Esta propriedade pode ser derivada da presença de compostos antioxidantes potentes, como a acetogenina, que está presente na graviola.

As folhas da graviola matam as células cancerosas anormais e permitem que as células saudáveis cresçam normalmente. Adotada como complemento ao tratamento por quimioterapia, a fruta oferece alívio para os efeitos colaterais que essas drogas provocam. A quimioterapia reduz as células do sangue e o número de plaquetas e graviola melhora a condição sanguínea.

Um experimento realizado pelos pesquisadores Julio C. Nepomuceno e Lívila M. Silva (2011)[1], no Centro Universitário de Patos de Minas, concluiu que a graviola pode ser utilizada no tratamento do câncer, porque diminui a frequência de tumores no organismo. Entretanto, o seu uso não pode substituir os tratamentos convencionais da medicina.

Proteção para o coração

A graviola tem propriedades hipotensoras, envolvendo o antagonismo do cálcio e isso é bom para pessoas que sofrem de pressão alta.  Tem efeitos vasodilatadores, antiespasmódicos e ajuda a acalmar o ritmo cardíaco, com efeito sedativo.

Graviola é a fruta deliciosa com poder para curar o câncer

Imagem: portalcoisasdevo

Efeitos anti-inflamatórios

O extrato da fruta tem propriedade anti-inflamatória, segundo investigação recente. Seu mecanismo parece estar relacionado com a inibição dos mediadores inflamatórios do nosso corpo. Assim, as suas propriedades anti-inflamatórias têm efeito muito positivo no tratamento do inchaço, artrite e dor nas articulações.

Efeitos benéficos do chá de graviola

O chá com as folhas de graviola pode aliviar os sintomas de cólicas, enxaqueca e dor de dente. Tem efeitos antioxidantes, combatendo os radicais livres e envelhecimento precoce da pele. O chá ajuda no combate à insônia e a depressão, conferindo mais qualidade de vida.

Graviola é a fruta deliciosa com poder para curar o câncer

Imagem: chá com as folhas da graviola.

Outros benefícios da graviola

Estudos estão demonstrando que a graviola tem efeitos positivos para:

– fortalecimento do tônus cardíaco

– alívio de dores

– tratamento da convulsão

– estimulante digestivo

– antifúngico e antibacteriano, auxilia no tratamento da acne

– combate a vermes

Quais são os riscos no consumo de Graviola?

Capsulas contendo extrato seco de graviola ou um suplemento líquido não representam riscos para a saúde, desde que não se exagere no seu uso.

No consumo da fruta é preciso ter mais cuidado. Ela pode baixar a pressão arterial, então quem tem tendência à pressão baixa precisa ficar atento.

Devido a sua acidez, a graviola é contraindicada para pessoas com aftas ou ferimentos na boca ou caxumba.

Existe risco de aborto no seu consumo, por isso, gestantes também devem evitar a graviola.

Graviola é a fruta deliciosa com poder para curar o câncer

Imagem: Suco de graviola

As pessoas diabéticas precisam tomar certos cuidados no consumo da gravielo, assim como no consumo de qualquer outra fruta, porque ela contém açúcar natural, que pode elevar a glicemia. No entanto, essas pessoas podem consumir a graviola, pois é rica em fibras, que até auxiliam na absorção mais lenta da glicose pelo organismo, o que ajuda a controlar o nível da glicemia no sangue. Basta ficar atento para a quantidade e os horários de consumo.

 O consumo do chá das folhas de graviola pode provocar uma intoxicação, é preciso não exagerar. A graviola passa a representar um risco grave para a saúde quando é consumida diariamente. Os estudos já realizados indicam que o seu consumo diário, por um período extenso de um ano, pode levar a lesões cerebrais e doenças neurodegenerativas similares ao Parkinson.

A quantidade recomendada seria de meia fruta de tamanho médio, o que equivale a uma porção.  A melhor opção é comer a fruta in natura, principalmente porque as fibras são preservadas. O mais seguro é se conversar com um médico ou nutricionista, pois saber se a graviola pode ser indicada para o seu caso, porque cada indivíduo tem a especificidade bioquímica própria do seu organismo e as pessoas têm sensibilidade diferente aos alimentos.

Brasil sem cigarro, número de fumantes caiu!

O vício do fumo do tabaco mata mais de 7 milhões de pessoas por ano, no mundo. No Brasil, a redução no número de fumantes foi notável, em 2017, o percentual de fumantes na população caiu para 10,1%

Segundo a Organização Mundial de Saúde, apesar de décadas de campanhas públicas e privadas para a eliminação do cigarro, o número de fumantes no mundo tem aumentado. São 6 milhões de mortes de fumantes diretos e 1 milhão de fumantes passivos. Cerca de 80% dessa tragédia ocorre nos países de renda baixa ou média. Apesar dessa triste notícia, o Brasil é um dos países em que mais caiu o número de fumantes.

Brasil sem cigarro, número de fumantes caiu!

Imagem: nexojornal

O hábito do fumo já foi muito maior no Brasil. Nos últimos 25 anos, a proporção da população que fuma caiu pela metade. O país foi apontado por um estudo financiado pela Bill & Melinda Gates Foundation e a Bloomberg Philanthropies como um exemplo de sucesso pela redução de fumantes que ocorreu entre 1990 e 2015.

Segundo o Ministério da Saúde, a redução no número de fumantes ocorreu em consequência da política de preços mínimos, que regulamentou o valor fixo na venda de cigarros, que ficaram mais caros. Além disso, a proibição dos cigarros, charutos, cachimbos e outros equipamentos de fumo em lugares públicos e de uso coletivo, ajudou muito nessa redução.

Brasil sem cigarro, número de fumantes caiu!

Imagem: folhabv

Entre 1990 e 2015, a porcentagem de pessoas que fumam havia caído de 29% para 12% entre homens e de 19% para 8% entre mulheres. Essa vitória foi conseguida através de campanhas de conscientização e da aplicação de impostos sobre o cigarro. Entretanto, entre a população de baixa renda e menor escolaridade, o vício de fumar é maior, se comparado com camadas da classe média e escolaridade mais alta.

Esta é uma das conclusões de estudo realizado por pesquisadores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, num trabalho importante para direcionar políticas públicas no combate ao tabaco no Brasil. Os entrevistados pela pesquisa eram fumantes, sendo que 66% ganhava até um salário mínimo, 39,3% era de analfabetos e 51,3% tinha o ensino fundamental incompleto, isto é, tinham um perfil de baixa escolaridade. A amostra, de 150 entrevistados, do município de Parazinho (RN) mostrou que muitos querem deixar de fumar, mas não conseguem, devido ao alto custo dos medicamentos destinados a ajudar o usuário a abandonar o vício.

Brasil sem cigarro, número de fumantes caiu!

Imagem: edicaodobrasil

Até 2017, a queda no número de fumantes foi ainda maior no país

O mais notável é que de 2006 a 2017 o número de fumantes sofreu uma redução de cerca de 36%. O percentual de fumantes na população caiu de 15,7% para 10,1%, restando ainda cerca de 20 milhões de fumantes no país. As informações são de pesquisa realizada pela Vigitel 2017 (Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico). A pesquisa ouviu 53 mil pessoas, em 26 capitais e no Distrito Federal, constatando que o número de fumantes homens atualmente corresponde a 13,2% e de mulheres, a 7,5%.

Situação do Brasil no ranking do fumo

Segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde), em 2015, o Brasil ocupava o 34º. lugar no ranking da OMS. Essa posição é empatada com Comores, país da costa leste da África. O ranking é composto por 149 países. O número de fumantes no Brasil, segundo a OMS, está abaixo da média global, que é de 22%.

Segundo o gênero, a taxa de fumantes entre os brasileiros, é maior entre o sexo masculino, de 17,9%, sendo de 10,1% entre as mulheres.

Brasil sem cigarro, número de fumantes caiu!

Imagem: oglobo

Importante vitória anti-fumo na França

Na França houve uma importante vitória no esforço contra o tabaco, com uma queda expressiva no número de fumantes, da ordem de 1 milhão de pessoas a menos, entre os anos de 2016 e 2017, segundo informou a agência de saúde pública desse país.

Países no ranking de menos fumantes

Os países onde o tabaco tem pouca adesão da população e ocupam os melhores lugares no ranking de menos fumantes são:

  • Gana: 4%
  • Etiópia: 4,5%
  • Nigéria: 5,7%
  • Eritreia: 5,8%
  • Panamá: 6,2%

A África é o continente onde existem menos fumantes, apenas 14%, equivalente à proporção de fumantes no Brasil. Os homens têm esse hábito em absoluta maioria, entre 70% a 85%, o que provavelmente decorre da cultura de países em que fumar é considerado um hábito inadequado para mulheres.

Em alguns países, como Nigéria, Etiópia e Gana introduziram normas rígidas para proteção dos cidadãos contra os efeitos negativos do tabaco. Essas políticas são parte das recomendações da OMS. Em muitos países africanos, no entanto, existe um outro hábito que concorre com o tabaco, que é o de mastigar folhas de khat, um estimulante. Aproximadamente 10 milhões de pessoas têm esse hábito no mundo, segundo a OMS.

Brasil sem cigarro, número de fumantes caiu!

Imagem: As folhas de khat,

Entretanto, enquanto fumar está em declínio nos países desenvolvidos e ocidentais, é um hábito que cresce no continente africano. Os estudos demonstram que o fumo declina em países onde a renda é mais alta, onde existe monitoramento, regulamentação e impostos taxando o cigarro. Em razão desse declínio, as indústrias do tabaco passaram a investir em países em desenvolvimento, tentando conquistar um mercado que ainda não é conscientizado contra os malefícios do fumo.

Brasil sem cigarro, número de fumantes caiu!

Imagem: opiniaoenoticia

O país campeão em número de fumantes

O maior produtor de tabaco do mundo é a China. É também o país com o maior número absoluto de fumantes do mundo, cerca de 300 milhões de pessoas, que representam um terço do total dos fumantes do mundo. No entanto, em 2016, o consumo de tabaco na China caiu pela primeira vez em 20 anos. Lá, 25,2% da população fuma, sendo que apenas 1,9% desse total são mulheres.

Diferenças por gênero

No mundo, o único país onde as mulheres (19,3%) são mais fumantes do que os homens (18,9%) é a Dinamarca. É na Europa que estão os países com índices mais altos de mulheres fumantes, mas a diferença entre homens e mulheres não é muito grande.

Fumantes passivos – situação no Brasil

Os fumantes passivos são as pessoas que não fumam, mas ficam expostas à fumaça do cigarro de quem fuma, no trabalho ou na família. Existem muitos riscos para a saúde também nesse caso. Felizmente, a situação do Brasil quanto a fumantes passivos melhorou muito, diminuindo 42% em oito anos, de 2009 a 2017, segundo dados do Ministério da Saúde.

O percentual, que era de 12,7% da população em 2009, caiu para 7,3% no ano de 2017. De acordo com a OMS, o tabagismo passivo foi a 3ª maior causa de morte, que poderia ser evitável, em todo o mundo, sendo apenas inferior ao fumante ativo e ao alcoolismo.

Segundo o Ministério da Saúde, as ações para tarifação no preço dos cigarros precisam ser tomadas juntamente com o combate ao contrabando, porque quando aumenta o preço no mercado interno, aumenta também o contrabando dos cigarros. Portanto, o esforço deve ser conjunto entre vários órgãos do governo.

Qual o preço de plano de saúde familiar?

Ter um serviço de assistência médica garante que se tenha acesso a cuidados à saúde. A contratação desse serviço pode ser feita de diferentes maneiras e quando se observa o preço de plano de saúde familiar ele acaba sendo mais vantajoso.

Entre fazer a adesão de um plano de saúde individual para cada membro familiar ou contratar um serviço único para todos, vale a pena comparar os valores antes de decidir.

Muitas vezes a diferença de preço pode ser significativa e com ela seria possível incluir mais uma pessoa.

Para que possa ter uma ideia dessa diferença, veja alguns exemplos para comparar.

Qual o preço de plano de saúde familiar?

Preço de plano de saúde familiar x preço de plano de saúde individual

A nossa comparação começa com uma família pequena, apenas duas pessoas uma de 28 anos e outra de 32. Veja quanto ficaria o plano de saúde individual e o familiar.

ESTADOOPERADORAPLANO
São PauloAmeplanExecutivo QC

 

INDIVIDUALFAMILIAR
R$ 298.82R$ 268.34
R$ 298.82R$ 268.34
TOTALR$ 597,64R$ 536,68

 

ESTADOOPERADORAPLANO
PernambucoUniLifeHospitalar QC
INDIVIDUALFAMILIAR
R$ 93.53R$ 90.70
R$ 112.21R$ 108.84
TOTALR$ 205,74R$ 199,54

 

ESTADOOPERADORAPLANO
ParanáClinipamHospitalar QC
INDIVIDUALFAMILIAR
R$ 214.01R$ 203.31
R$ 224.80R$ 213.56
TOTALR$ 438,81R$ 416,87

 

ESTADOOPERADORAPLANO
BahiaBoa SaúdeBoa Saúde
INDIVIDUALFAMILIAR
R$ 106.20R$ 100.89
R$ 128.63R$ 122.20
TOTALR$ 234,83R$ 223,09

 

ESTADOOPERADORAPLANO
Rio de JaneiroAssim SaúdeClássico QC
INDIVIDUALFAMILIAR
R$ 287.76R$ 266.44
R$ 311.93R$ 288.82
TOTALR$ 599,69R$ 555,26

 

ESTADOOPERADORAPLANO
Minas GeraisVitallis SaúdePrata QC
INDIVIDUALFAMILIAR
R$ 155.58R$ 147.80
R$ 174.24R$ 165.53
TOTALR$ 329,82R$ 313,33

 

ESTADOOPERADORAPLANO
Rio Grande no NorteUnimed NatalUniplus Integral
INDIVIDUALFAMILIAR
R$ 529.48R$ 476.53
R$ 614.20R$ 552.78
TOTALR$ 1.143,68R$ 1.029,31

Quando se tem filho, a diferença de valor pode ser ainda maior. Imagine se esse casal de 28 e 32 anos tivesse dois filhos com idades de 8 e 6 anos. Os valores poderiam ser ainda mais diferentes, compare.

ESTADOOPERADORAPLANO
São PauloAmeplanExecutivo QC
INDIVIDUALFAMILIAR
R$ 298.82R$ 268.34
R$ 298.82R$ 268.34
R$ 186.76R$ 167.71
R$ 186.76R$ 167.71
TOTALR$ 971,16R$ 872,10

 

ESTADOOPERADORAPLANO
Rio Grande no NorteUnimed NatalUniplus Integral
INDIVIDUALFAMILIAR
R$ 529.48R$ 476.53
R$ 614.20R$ 552.78
R$ 380.27R$ 342.24
R$ 380.27R$ 342.24
TOTALR$ 1.904,22R$ 1.713,79

 

ESTADOOPERADORAPLANO
PernambucoUniLifeHospitalar QC
INDIVIDUALFAMILIAR
R$ 93.53R$ 90.70
R$ 112.21R$ 108.84
R$ 73.42R$ 71.22
R$ 73.42R$ 71.22
TOTALR$ 352,58R$ 341,98

 

ESTADOOPERADORAPLANO
ParanáClinipamHospitalar QC
INDIVIDUALFAMILIAR
R$ 214.01R$ 203.31
R$ 224.80R$ 213.56
R$ 157.87R$ 149.97
R$ 157.87R$ 149.97
TOTALR$ 754,55R$ 716,81

 

ESTADOOPERADORAPLANO
BahiaBoa SaúdeBoa Saúde
INDIVIDUALFAMILIAR
R$ 106.20R$ 100.89
R$ 128.63R$ 122.20
R$ 79.40R$ 75.43
R$ 79.40R$ 75.43
TOTALR$ 393,63R$ 373,95

 

ESTADOOPERADORAPLANO
Rio de JaneiroAssim SaúdeClássico QC
INDIVIDUALFAMILIAR
R$ 287.76R$ 266.44
R$ 311.93R$ 288.82
R$ 201.23R$ 186.32
R$ 201.23R$ 186.32
TOTALR$ 1.002,15R$ 927,90

 

ESTADOOPERADORAPLANO
Minas GeraisVitallis SaúdePrata QC
INDIVIDUALFAMILIAR
R$ 155.58R$ 147.80
R$ 174.24R$ 165.53
R$ 113.68R$ 108.00
R$ 113.68R$ 108.00
TOTALR$ 557,18R$ 529,33

 

Rio Grande no NorteUnimed NatalUniplus Integral
INDIVIDUALFAMILIAR
R$ 529.48R$ 476.53
R$ 614.20R$ 552.78
R$ 380.27R$ 342.24
R$ 380.27R$ 342.24
TOTALR$ 1.904,22R$ 1.713,79

Depois de ver essas diferenças, sabe que o preço do plano de saúde familiar compensa. Peça a sua cotação, proteja toda a sua família e ainda economize.

*Fonte: XXX. Consulta realizada em Maio/18

*O PlanodeSaude.net não se responsabiliza pelos valores aqui mencionados, visto que o preço do plano pode variar conforme o perfil de cada beneficiário.

8 coisas que cada pessoa deve fazer antes das 8h da manhã para viver mais

Tomar um banho frio logo cedo te ajudará a viver mais e te deixará mais disposta o dia todo. Mas esse não é o único motivo pelo qual deve pular cedo da cama. Conheça outros.

Enquanto acordar cedo para uns é uma tortura, para outros é algo natural que garante mais disposição. Mas, se quer viver mais, comece e levantar cedo.

Sabe aquela história de só mais 5 minutinhos? Eu não gostava de acordar cedo, sempre achei que depois que o ser humano inventou a energia elétrica a gente podia dormir até mais tarde e fazer as coisas à noite.

O problema é que quando chegava à noite eu já estava cansada e não tinha mais a mesma disposição, mas mesmo assim insistia em dormir um pouco mais.

Claro que esses 5 minutinhos me trouxeram vários problemas, pois eu saía correndo de casa, perdia o ônibus, chegava atrasada no trabalho e evitava marcar qualquer compromisso de manhã.

Com o passar do tempo a gente aprende e em algum momento precisa mudar os hábitos.

Li uma reportagem que falava que mais de 60% dos adultos americanos tinham algum problema de sono pelo menos uma noite por semana. Logo me identifiquei.

Às vezes eu deitava e ficava rolando de um lado para outro e nada do sono chegar, e de manhã eu estava cansadíssima.

Li então que eu deveria acordar cedo todos os dias. Não fazia muito sentido para mim, mas depois que comecei a colocar isso em prática descobri que poderia viver mais.

E quando eu falo viver mais não estou dizendo apenas de prolongar meus anos de vida, mas de conseguir usar melhor o meu dia, pois parece que ele rende mais.

Por isso, separei algumas dicas do que fazer antes das 8 da manhã para viver mais

8 coisas que cada pessoa deve fazer antes das 8h da manhã para viver mais

1 – Durma 7 horas ou mais

Cada pessoa tem um tempo diferente que precisa dormir e não vou entrar nesse mérito, pois não sou especialista no assunto, mas você deve se conhecer.

Eu sei que se dormir 7 horas eu acordo muito disposta, mas se dormir 10 vou ficar lenta o dia todo e com sono.

Para você levantar antes das 8 da manhã precisa passar a dormir mais cedo, respeitando sempre as horas de sono.

Eu acordo às 6 da manhã e durmo onze horas. Esse tempo para mim é suficiente para eu acordar super disposta e sem a sensação de querer mais 5 minutinhos.

Aí você pode pensar: se eu dormir às 4 e acordar meio-dia vou ter dormido mais de 7 horas, então está tudo bem.

Na verdade parece que o nosso corpo entende que já está tarde e não acordamos com a mesma disposição. É só fazer o teste.

Porém, já aviso, no começo será um pouco difícil levantar da cama, mas depois se torna natural. Eu acordo descansada todos os dias e sem precisar de despertador.

2 – Medite e atraia coisas boas

Logo ao levantar tenha pensamentos positivos, mentalize o que pretende alcançar nesse dia.

Pode parecer besteira fazer isso, mas as suas energias já começam a atrair coisas boas com o seu pensamento.

Eu acordo e gosto de meditar um pouco, sento no chão, bem relaxada e sinto minha respiração por alguns minutos.

Depois eu penso em como que quero que seja meu dia e estou pronta para ele.

Pode parecer besteira, mas meditar me permite despertar melhor para que eu fique mais relaxada. Até mesmo quando durmo meio torta e acordo com dor, esse é o momento que me livro dela.

3 – Reveja suas metas

Depois de descansar e refletir é hora de repensar os seus planos. Sempre penso se as minhas metas continuam as mesmas e o que eu estou fazendo para atingi-las.

Confesso que já mudei meus objetivos algumas vezes, mas a vida está em constante mudança. O que não dá para fazer é ficar correndo atrás de algumas coisas que não me interessam mais, pois isso só me fará desperdiçar energia.

4 – Faça exercícios físicos

Fazer exercícios físicos de manhã parece que me desperta e renova minhas energias. Nunca fui muito fã de frequentar academia, mas respeito quem gosta.

Acho que cada um deve escolher a atividade física com a qual mais se identifica e fazer logo pela manhã.

Eu optei por fazer pelo menos 30 minutos de caminhada no meu bairro mesmo. Acordo, medito, tomo café e vou caminhar.

Depois que comecei a fazer isso parece que estou mais atenta ao mundo ao meu redor. Prestar atenção enquanto caminho me fez observar os detalhes.

Isso também ajudar a oxigenar o cérebro. Ele fica mais criativo e me deixa mais preparada para minha jornada de trabalho que vem logo na sequência.

Tenho uma amiga que dizia que não suportava fazer exercício de manhã, mas descobri que ela vai para o trabalho de bicicleta. Ela estava fazendo exercícios e nem sabia. Deve ser por isso que ela é uma das mais dispostas e empolgadas da empresa.

5 – Coma proteínas

Quando falo em comer proteínas de manhã muita gente olha torto e já imagina que eu como um bife no café da manhã.

Tudo bem que para mim não haveria nenhum problema nisso, mas existem muitos outros tipos de proteínas, como ovo, por exemplo.

Nos Estados Unidos eles comem bacon no café da manhã. Eu já experimentei e achei delicioso, o problema é o excesso de gordura.

Comer proteína te ajuda a viver mais porque ela evita picos de açúcar no sangue por ser digerida mais lentamente.

Além disso, causa a sensação de saciedade por mais tempo. Dessa forma você come menos, evita o sobrepeso e se mantém mais saudável.

Eu praticamente elaborei meu cardápio sozinha e incluí as proteínas por conta própria, mas depois acabei visitando uma nutricionista. Ela disse que eu estava fazendo certo e que as proteínas de manhã são muito boas. Agora meu ovo mexido é quase que diário.

6 – Faça as coisas mais cansativas pela manhã

O sono serve para recarregar as suas baterias, e é por isso que não final do dia você já está exausta.

Tinham coisas que eu ia adiando e deixando para o final do dia, e quando ia fazer estava cansada e saía tudo mal feito.

Decidi deixar as coisas fáceis para a noite, afinal, não exigiam muito de mim. De manhã eu faço o que é mais cansativo ou exige atenção, pois estou mais disposta e atenta nesse período.

7 – Tome um banho frio

Nunca gostei muito de banhos quentes, mesmo nos dias frios. Eu tinha a sensação de que minha pele ficava ressecada e repuxando, apesar de eu relaxar enquanto estava em baixo da água.

Descobri que o melhor é tomar um banho frio. Se não gosta da água muito gelada, tudo bem, mas nada de deixá-la fervendo.

O ruim, às vezes, é entrar debaixo do chuveiro, mas depois de alguns segundo está tudo bem.

O banho frio logo de amanhã vai te ajudar a despertar melhor, sem falar que te fará muito bem.

A sua pele não vai ter a gordura removida em excesso, assim o seu organismo não vai produzir mais óleo do que precisa para lubrificar a pele. Resultado: o seu rosto não fica oleoso e precisando de muita maquiagem durante o dia.

O banho frio também te ajuda a viver mais, pois ele estimula o seu sistema imunológico e circulatório.

E se está querendo perder peso uma boa notícia, ele estimula o metabolismo acelerando a queima de gordura.

8 – Leia pela manhã

Sei que de manhã é um pouco corrido, pelo menos para mim sempre foi. Mas, mesmo assim não deixo de fazer meus exercícios, tomar meu banho e meu café da manhã.

Outra estratégia que elaborei para conseguir ler foi fazer isso logo cedo. Sempre adorei livro, mas minha rotina não estava permitindo que eu aproveitasse esse meu hobby.

Comecei a ler enquanto estou no ônibus. Não consigo ler muitas páginas, mas as poucos que leio já me deixam informada e aguçam a minha criatividade.

Sei que muita gente vai dirigindo para o trabalho, aí fica impossível de ler no caminho. Então por que não ler duas páginas por dia antes de sair de casa?

Se mesmo assim não foi possível, então ouça um audiobook. Vai adquirir conhecimento, ficar mais criativa e estimular a memória.

Pelo menos eu sei que vou chegar na velhice sendo uma senhora esperta e com menos chances de ter alguma doença degenerativa, já que meu cérebro está sendo bastante estimulado.

Se fizer todas essas coisas antes das 8 da manhã, vai viver mais e terá feito tudo o que é essencial para se sentir bem e completa. Depois no decorrer do dia ficarão somente as demais coisas.

Que tal começar a acordar cedo e perceber a diferença que isso pode fazer na sua rotina?

Plano de saúde cobre labioplastia?

Há alguns procedimentos que os planos de saúde cobrem obrigatoriamente, e outros que não. Essa duvida de quais são os procedimentos que estão dentro do plano de saúde é recorrente. Muitas pessoas não sabem se o plano de saúde cobre labioplastia, por exemplo.

A labioplastia é uma cirurgia íntima feminina que serve para corrigir pequenas imperfeições estéticas da genitália da mulher. É bastante procurada no Brasil por esse público, e vem ganhando cada vez mais adeptas. Existe a versão masculina da cirurgia, que apesar de não ter a mesma procura que a feminina, também é bastante realizada no país.

Porém, antes de fazer a labioplastia, é necessário que a paciente tenha em mente certas questões que muitas vezes acabam confundindo-se entre o publico geral. A labioplastia não altera a atividade sexual, ou seja, não haverá melhora no desempenho.

Plano de saúde cobre labioplastia?

Plano de saúde cobre labioplastia?

A labioplastia é uma cirurgia estética, ou seja, tem como único objetivo alterar o visual da região intima feminina.

Os planos de saúde não são obrigados a cobrir esse tipo de procedimento estético, então, na maioria dos casos, os planos de saúde não cobrirão a labioplastia. Essa é uma determinação da Agência Nacional de Saúde (ANS).

Ou seja, a cobertura, ou não, desse procedimento varia de acordo com a empresa. Como as empresas não são proibidas de oferecerem esse tipo de serviço, elas podem incluir em suas coberturas, ficando a seu critério.

As cirurgias estéticas somente são obrigatórias quando estão ligadas a um problema de saúde, como a colocação de próteses de silicone após a masectomia ou a retirada do excedente de pele em pacientes que são obesos mórbidos e realizam a cirurgia de redução de estômago.

Vale a pena fazer a labioplastia?

Saber se vale a pena ou não fazer a labioplastia é uma questão que depende apenas da paciente. Isso varia de acordo com o seu bem-estar e o quanto a correção a ser feita a incomoda. Ela serve apenas para corrigir algo que incomoda no corpo da mulher, semelhante a aplicação de um botox ou uma cirurgia plástica no rosto, por exemplo.

É importante lembrar que assim como em qualquer outra cirurgia, há riscos, mesmo que pequenos.

Sabendo se o plano de saúde cobre ou não a labioplastia, fica mais fácil também avaliar se o investimento vale ou não apena. Compartilhe esse post com suas amigas para que elas também possam pensar melhor a respeito desse assunto.

Cobertura do plano de saúde para doença pré-existente

Muitas pessoas contratam o plano de saúde após o descobrimento de uma doença que exige um tratamento mais intenso e caro. Mas como funciona a cobertura do plano de saúde para doença pré-existente? Leia o texto e saiba mais!

Após a descoberta de uma doença muitos pacientes recorrem a um plano de saúde para custear o seu tratamento. Mas saber quais são as regras dessas empresas e como funciona a carência para cada caso é muito importante.

A falta de informações por parte dos consumidores sobre esse assunto pode gerar mais preocupações e abrir precedentes para abusos por parte das empresas, ou então, fazer com que o paciente recorra por algo que na verdade não possui direito.

cobertura do plano de saúde para doença pré-existente

O que é doença pré-existente?

A sociedade médica evita o termo doença pré-existente, já que é difícil determinar o momento exato do surgimento de uma doença. Porém, a agência reguladora dos planos de saúde não concorda com essa opinião dos médicos, e determina que as lesões e doenças preexistentes (LDP) são todas aquelas que o paciente já possuía no momento da adesão ao seguro.

Mas, existe um porém para esse caso, se o segurado não tiver conhecimento da doença no momento da adesão, mesmo que já a possua, ela não pode ser considerada uma doença pré-existente. Ou seja, doença pré-existente, quando se refere a planos de saúde, são aquelas que são avisadas ao plano no momento da assinatura do contrato.

Como funciona a cobertura do cobertura do plano de saúde para doença pré-existente?

Há uma determinação para o período de carência de cada procedimento e tipo de atendimento. Porém, existe a cobertura parcial temporária (CPT) que é uma carência de até 2 anos para procedimentos que são relacionados à doença que foi anteriormente declarada, como, por exemplo, cirurgias e internações em leitos de alta tecnologia, exames com preços mais altos e procedimentos de grande complexidade entre outros.

Esse caso serve apenas para alguns casos específicos, ou seja, apenas alguns procedimentos se enquadram nessa cobertura. A lista desses procedimentos foi elaborada pela Agência Nacional de Saúde Suplementar, que é a agência reguladora dos planos de saúde e serve justamente para defender o direito dos consumidores, sem afetar o bom funcionamento das empresas.

Agora que você já sabe mais sobre como funciona a cobertura do plano de saúde para doença pré-existente, você já estará mais preparado para contratar um plano e enfrentar essa situação caso seja necessário. Aproveite!

Existe plano de saúde com carência reduzida para parto?

Na hora de planejar ter um filho, é importante sempre pensar em contratar um bom plano de saúde, além de considerar a questão da carência.  Mas será que há plano de saúde com carência reduzida para parto? Leia esse post e saiba mais!

Quem pensa em contratar um plano de saúde procura por atendimentos na área de saúde, que sejam rápidos e de maior qualidade, diferente do que costumamos ver nos serviços públicos, que trazem tanta espera a impaciência ao paciente.

É justamente essa precariedade do oferecimento da saúde pública que faz com que grande parte da população brasileira acabe recorrendo aos planos de saúde. Porém, esse serviço também pode trazer muitas dúvidas e preocupações para os consumidores.  Existe plano de saúde com carência reduzida para parto?

O que é carência reduzida?

Para quem não possui muito conhecimento sobre esse tipo de serviço, pode acabar se surpreendendo ao descobrir que mesmo após feito o pagamento pelo serviço, não poderá utilizar instantaneamente todos os serviços que foram contratados. Isso porque existe a carência dos planos de saúde.

Apesar desse fato surpreender a maioria das pessoas na hora de contratar o plano, esse prazo é totalmente legal e necessário para que as empresas que fornecem o seguro possam se adequar ao cliente, e assim, oferecer um serviço de melhor qualidade para os novos usuários.

A carência reduzida, como o próprio nome na diz, é uma diminuição no tempo mínimo para o início da utilização do plano de saúde. Ela não é muito comum e por isso pode gerar dúvidas entre os clientes.

Nos casos de atendimentos de urgência e emergência, o beneficiário deverá receber todo o atendimento que necessita pelo plano de saúde, independentemente se a carência para aquele procedimento já foi sido cumprida, ou não.

Existe plano de saúde com carência reduzida para parto?

No caso dos partos, isso só vale para partos prematuros ou que sejam de alto risco, ou seja, que oferecem risco a vida da gestante, já que nesse caso, o parto é um procedimento de urgência.

Lembrando que caso queiram, as empresas que oferecem o seguro podem dar a carência reduzida para parto. A única determinação da ANS é sobre a quantidade máxima de dias, ou seja, o máximo que pode haver de carência. O mínimo fica a critério da empresa.

Agora que você já sabe mais sobre a existência de plano de saúde com carência reduzida para parto, fica mais fácil de planejar quando virá o bebe.

Não esqueça de também compartilhar com os amigos que pretendem ter filhos, para que eles, assim como você, possam estar bem preparados para esse momento tão importante.

Quanto custa um plano de saúde Bradesco

Saber quanto custa um plano de saúde Bradesco é um dos passos para contratar um serviço e assistência médica. Veja os valores e busque conhecer o que cada um oferece.

Ter um serviços de assistência médica é indicado para as empresas que querem proteger os seus colaboradores, mas a dúvida sempre é quanto custa um plano de saúde Bradesco.

Os valores mudam conforme o tipo de plano contratado, ou seja, as coberturas que ele possuem influenciam. Além disso, por ser um plano voltado para as empresas, de acordo com o tamanho da organização é possível encontrara um valor.

Para as que possuem de 3 a 199 vidas é possível contar com as opções: SPG | Plano Premium, SPG | Plano Nacional, SPG | Plano Preferencial Plus e SPG | Plano Perfil.

Já as que possuem a partir de 200 vidas têm à disposição o SPG | Plano Nacional Plus, SPG | Plano Nacional Flex e SPG | Plano Efetivo.

Todos eles atendem o rol de procedimentos da ANS, mas possuem diferenciais que o tornam mais indicados para as mais diversas situação.

Veja quanto custa um plano de saúde Bradesco em algumas localidades e de acordo com as faixas etárias.Quanto custa um plano de saúde Bradesco

Veja quanto custa um plano de saúde Bradesco

Quanto custa um plano de saúde Bradesco no Amazonas

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Top Nacional Flex QC (FCEX)0 a 18R$ 345.83
Top Nacional Flex QC (FCEX)19 a 23R$ 408.08
Top Nacional Flex QC (FCEX)24 a 28R$ 493.78
Top Nacional Flex QC (FCEX)29 a 33R$ 592.53
Top Nacional Flex QC (FCEX)34 a 38R$ 675.49
Top Nacional Flex QC (FCEX)39 a 43R$ 695.75
Top Nacional Flex QC (FCEX)44 a 48R$ 847.12
Top Nacional Flex QC (FCEX)49 a 53R$ 996.38
Top Nacional Flex QC (FCEX)54 a 58R$ 1185.69
Top Nacional Flex QC (FCEX)59 ou +R$ 2074.97

Quanto custa um plano de saúde Bradesco na Bahia

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Perfil QC (FCE1)0 a 18R$ 317.14
Perfil QC (FCE1)19 a 23R$ 374.22
Perfil QC (FCE1)24 a 28R$ 452.81
Perfil QC (FCE1)29 a 33R$ 543.38
Perfil QC (FCE1)34 a 38R$ 619.46
Perfil QC (FCE1)39 a 43R$ 638.04
Perfil QC (FCE1)44 a 48R$ 776.85
Perfil QC (FCE1)49 a 53R$ 913.72
Perfil QC (FCE1)54 a 58R$ 1087.33
Perfil QC (FCE1)59 ou +R$ 1902.83

Quanto custa um plano de saúde Bradesco no Ceará

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Nacional Flex (FCEX)0 a 18R$ 208.31
Nacional Flex (FCEX)19 a 23R$ 245.80
Nacional Flex (FCEX)24 a 28R$ 297.42
Nacional Flex (FCEX)29 a 33R$ 356.91
Nacional Flex (FCEX)34 a 38R$ 406.88
Nacional Flex (FCEX)39 a 43R$ 419.08
Nacional Flex (FCEX)44 a 48R$ 510.25
Nacional Flex (FCEX)49 a 53R$ 600.16
Nacional Flex (FCEX)54 a 58R$ 714.19
Nacional Flex (FCEX)59 ou +R$ 1249.84

Quanto custa um plano de saúde Bradesco no Distrito Federal

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Nacional Flex QC ( FCEX )0 a 18R$ 382.34
Nacional Flex QC ( FCEX )19 a 23R$ 451.16
Nacional Flex QC ( FCEX )24 a 28R$ 545.90
Nacional Flex QC ( FCEX )29 a 33R$ 655.09
Nacional Flex QC ( FCEX )34 a 38R$ 746.80
Nacional Flex QC ( FCEX )39 a 43R$ 769.20
Nacional Flex QC ( FCEX )44 a 48R$ 936.54
Nacional Flex QC ( FCEX )49 a 53R$ 1101.56
Nacional Flex QC ( FCEX )54 a 58R$ 1310.86
Nacional Flex QC ( FCEX )59 ou +R$ 2294.02

Quanto custa um plano de saúde Bradesco no Espírito Santo

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Top Nacional Plus 4 QP (TNP4)0 a 18R$ 709.10
Top Nacional Plus 4 QP (TNP4)19 a 23R$ 836.74
Top Nacional Plus 4 QP (TNP4)24 a 28R$ 1012.46
Top Nacional Plus 4 QP (TNP4)29 a 33R$ 1214.95
Top Nacional Plus 4 QP (TNP4)34 a 38R$ 1385.04
Top Nacional Plus 4 QP (TNP4)39 a 43R$ 1426.59
Top Nacional Plus 4 QP (TNP4)44 a 48R$ 1736.95
Top Nacional Plus 4 QP (TNP4)49 a 53R$ 2043.00
Top Nacional Plus 4 QP (TNP4)54 a 58R$ 2431.17
Top Nacional Plus 4 QP (TNP4)59 ou +R$ 4254.55

Quanto custa um plano de saúde Bradesco em Goiás

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Top Nacional Flex QC (FCEX)0 a 18R$ 201.56
Top Nacional Flex QC (FCEX)19 a 23R$ 237.84
Top Nacional Flex QC (FCEX)24 a 28R$ 287.79
Top Nacional Flex QC (FCEX)29 a 33R$ 345.34
Top Nacional Flex QC (FCEX)34 a 38R$ 393.69
Top Nacional Flex QC (FCEX)39 a 43R$ 405.51
Top Nacional Flex QC (FCEX)44 a 48R$ 493.72
Top Nacional Flex QC (FCEX)49 a 53R$ 580.72
Top Nacional Flex QC (FCEX)54 a 58R$ 691.06
Top Nacional Flex QC (FCEX)59 ou +R$ 1209.36

Quanto custa um plano de saúde Bradesco em Minas Gerais

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Perfil QC (FCE1)0 a 18R$ 197.58
Perfil QC (FCE1)19 a 23R$ 233.14
Perfil QC (FCE1)24 a 28R$ 282.10
Perfil QC (FCE1)29 a 33R$ 338.52
Perfil QC (FCE1)34 a 38R$ 385.92
Perfil QC (FCE1)39 a 43R$ 397.50
Perfil QC (FCE1)44 a 48R$ 483.97
Perfil QC (FCE1)49 a 53R$ 569.25
Perfil QC (FCE1)54 a 58R$ 677.41
Perfil QC (FCE1)59 ou +R$ 1185.47

 Quanto custa um plano de saúde Bradesco no Paraná

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Top Nacional QC (TNEE) |0 a 18R$ 251.27
Top Nacional QC (TNEE) |19 a 23R$ 296.50
Top Nacional QC (TNEE) |24 a 28R$ 358.78
Top Nacional QC (TNEE) |29 a 33R$ 430.52
Top Nacional QC (TNEE) |34 a 38R$ 490.80
Top Nacional QC (TNEE) |39 a 43R$ 505.53
Top Nacional QC (TNEE) |44 a 48R$ 615.51
Top Nacional QC (TNEE) |49 a 53R$ 723.95
Top Nacional QC (TNEE) |54 a 58R$ 861.51
Top Nacional QC (TNEE) |59 ou +R$ 1507.64

Quanto custa um plano de saúde Bradesco em Pernambuco

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Perfil QC (FCE1)0 a 18R$ 314.67
Perfil QC (FCE1)19 a 23R$ 371.32
Perfil QC (FCE1)24 a 28R$ 449.29
Perfil QC (FCE1)29 a 33R$ 539.15
Perfil QC (FCE1)34 a 38R$ 614.64
Perfil QC (FCE1)39 a 43R$ 633.07
Perfil QC (FCE1)44 a 48R$ 770.80
Perfil QC (FCE1)49 a 53R$ 906.61
Perfil QC (FCE1)54 a 58R$ 1078.88
Perfil QC (FCE1)59 ou +R$ 1888.04

Quanto custa um plano de saúde Bradesco no Rio de Janeiro

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Preferencial Plus QC (TPEP)0 a 18R$ 225.34
Preferencial Plus QC (TPEP)19 a 23R$ 265.90
Preferencial Plus QC (TPEP)24 a 28R$ 321.74
Preferencial Plus QC (TPEP)29 a 33R$ 386.09
Preferencial Plus QC (TPEP)34 a 38R$ 440.15
Preferencial Plus QC (TPEP)39 a 43R$ 453.35
Preferencial Plus QC (TPEP)44 a 48R$ 551.98
Preferencial Plus QC (TPEP)49 a 53R$ 649.24
Preferencial Plus QC (TPEP)54 a 58R$ 772.60
Preferencial Plus QC (TPEP)59 ou +R$ 1352.05

Quanto custa um plano de saúde Bradesco no Rio Grande do Norte

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Top Premium 6 QP (TNC6)0 a 18R$ 891.92
Top Premium 6 QP (TNC6)19 a 23R$ 1052.45
Top Premium 6 QP (TNC6)24 a 28R$ 1273.48
Top Premium 6 QP (TNC6)29 a 33R$ 1528.17
Top Premium 6 QP (TNC6)34 a 38R$ 1742.12
Top Premium 6 QP (TNC6)39 a 43R$ 1794.38
Top Premium 6 QP (TNC6)44 a 48R$ 2184.74
Top Premium 6 QP (TNC6)49 a 53R$ 2569.70
Top Premium 6 QP (TNC6)54 a 58R$ 3057.95
Top Premium 6 QP (TNC6)59 ou +R$ 5351.41

Quanto custa um plano de saúde Bradesco no Rio Grande do Sul

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Nacional Flex QC (FCEX)0 a 18R$ 246.14
Nacional Flex QC (FCEX)19 a 23R$ 290.45
Nacional Flex QC (FCEX)24 a 28R$ 351.44
Nacional Flex QC (FCEX)29 a 33R$ 421.72
Nacional Flex QC (FCEX)34 a 38R$ 480.77
Nacional Flex QC (FCEX)39 a 43R$ 495.19
Nacional Flex QC (FCEX)44 a 48R$ 602.92
Nacional Flex QC (FCEX)49 a 53R$ 709.16
Nacional Flex QC (FCEX)54 a 58R$ 843.90
Nacional Flex QC (FCEX)59 ou +R$ 1476.83

Agora que já sabe quanto custa um plano de saúde Bradesco, que tal fazer uma cotação para a sua empresa e verificar qual atende melhor seus colaboradores?

*Fonte: MulticalculoSaude. Consulta realizada em Maio/18

*O PlanodeSaude.net não se responsabiliza pelos valores aqui mencionados, visto que o preço do plano pode variar conforme o perfil de cada beneficiário.

*Este texto é de conteúdo editorial e não garante a comercialização deste produto nesse site.

Quanto custa um plano de saúde Amil

Separamos algumas opções para que possa saber quanto custa um plano de saúde Amil. Veja as tabelas que montamos e aproveite para programar o orçamento da empresa para disponibilizar esse benefício aos colaboradores.

Umas das maiores operadoras do Brasil e com um portfólio bastante diversificado de serviços de assistência médica, acaba gerando dúvida de quanto custa um plano de saúde Amil.

A empresa oferece mais de um plano e isso significa que os valores variam conforme as coberturas contratadas. Além disso, existem diferenças de um estado para outro.

As empresas que querem contratar um plano de saúde para seus colaboradores pode ter uma ideia com os valores que vamos apresentar. Entretanto, vale lembrar que existem outras opções, por isso é sempre indicado fazer uma consulta com um corretor.

Quanto custa um plano de saúde Amil

Quanto custa um plano de saúde Amil

Quanto custa um plano de saúde Amil no Amazonas

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Amil 400 QC0 a 18R$ 245.90
Amil 400 QC19 a 23R$ 307.38
Amil 400 QC24 a 28R$ 384.23
Amil 400 QC29 a 33R$ 422.65
Amil 400 QC34 a 38R$ 443.78
Amil 400 QC39 a 43R$ 488.16
Amil 400 QC44 a 48R$ 610.20
Amil 400 QC49 a 53R$ 671.22
Amil 400 QC54 a 58R$ 839.03
Amil 400 QC59 ou +R$ 1468.30

Quanto custa um plano de saúde Amil na Bahia

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Amil 900 QP0 a 18R$ 691.31
Amil 900 QP19 a 23R$ 864.14
Amil 900 QP24 a 28R$ 1080.17
Amil 900 QP29 a 33R$ 1188.19
Amil 900 QP34 a 38R$ 1247.60
Amil 900 QP39 a 43R$ 1372.36
Amil 900 QP44 a 48R$ 1715.45
Amil 900 QP49 a 53R$ 1886.99
Amil 900 QP54 a 58R$ 2358.74
Amil 900 QP59 ou +R$ 4127.80

Quanto custa um plano de saúde Amil no Ceará

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Amil 200 Regional QC0 a 18R$ 197.29
Amil 200 Regional QC19 a 23R$ 246.61
Amil 200 Regional QC24 a 28R$ 308.26
Amil 200 Regional QC29 a 33R$ 339.09
Amil 200 Regional QC34 a 38R$ 356.04
Amil 200 Regional QC39 a 43R$ 391.64
Amil 200 Regional QC44 a 48R$ 489.55
Amil 200 Regional QC49 a 53R$ 538.51
Amil 200 Regional QC54 a 58R$ 673.14
Amil 200 Regional QC59 ou +R$ 1178.00

Quanto custa um plano de saúde Amil no Distrito federal

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Amil 400 QC0 a 18R$ 320.54
Amil 400 QC19 a 23R$ 400.68
Amil 400 QC24 a 28R$ 500.85
Amil 400 QC29 a 33R$ 550.94
Amil 400 QC34 a 38R$ 578.49
Amil 400 QC39 a 43R$ 636.34
Amil 400 QC44 a 48R$ 795.43
Amil 400 QC49 a 53R$ 874.97
Amil 400 QC54 a 58R$ 1093.71
Amil 400 QC59 ou +R$ 1913.99

Quanto custa um plano de saúde Amil no Espírito Santo

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Amil 400 QC0 a 18R$ 162.71
Amil 400 QC19 a 23R$ 203.39
Amil 400 QC24 a 28R$ 254.24
Amil 400 QC29 a 33R$ 279.66
Amil 400 QC34 a 38R$ 293.64
Amil 400 QC39 a 43R$ 323.00
Amil 400 QC44 a 48R$ 403.75
Amil 400 QC49 a 53R$ 444.13
Amil 400 QC54 a 58R$ 555.16
Amil 400 QC59 ou +R$ 971.53

Quanto custa um plano de saúde Amil em Goiás

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Amil 900 QP0 a 18R$ 553.05
Amil 900 QP19 a 23R$ 691.31
Amil 900 QP24 a 28R$ 864.14
Amil 900 QP29 a 33R$ 950.55
Amil 900 QP34 a 38R$ 998.08
Amil 900 QP39 a 43R$ 1097.89
Amil 900 QP44 a 48R$ 1372.36
Amil 900 QP49 a 53R$ 1509.59
Amil 900 QP54 a 58R$ 1886.99
Amil 900 QP59 ou +R$ 3302.2

Quanto custa um plano de saúde Amil em Minas Gerais

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Amil 900 QP0 a 18R$ 431.67
Amil 900 QP19 a 23R$ 539.59
Amil 900 QP24 a 28R$ 674.49
Amil 900 QP29 a 33R$ 741.94
Amil 900 QP34 a 38R$ 779.03
Amil 900 QP39 a 43R$ 856.94
Amil 900 QP44 a 48R$ 1071.17
Amil 900 QP49 a 53R$ 1178.29
Amil 900 QP54 a 58R$ 1472.86
Amil 900 QP59 ou +R$ 2577.50

Quanto custa um plano de saúde Amil no Paraná

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Amil 200 Regional QC0 a 18R$ 178.20
Amil 200 Regional QC19 a 23R$ 222.75
Amil 200 Regional QC24 a 28R$ 278.44
Amil 200 Regional QC29 a 33R$ 306.28
Amil 200 Regional QC34 a 38R$ 321.59
Amil 200 Regional QC39 a 43R$ 353.75
Amil 200 Regional QC44 a 48R$ 442.19
Amil 200 Regional QC49 a 53R$ 486.41
Amil 200 Regional QC54 a 58R$ 608.01
Amil 200 Regional QC59 ou +R$ 1064.02

Quanto custa um plano de saúde Amil em Pernambuco

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Amil 200 Regional QC0 a 18R$ 219.68
Amil 200 Regional QC19 a 23R$ 274.60
Amil 200 Regional QC24 a 28R$ 343.25
Amil 200 Regional QC29 a 33R$ 377.58
Amil 200 Regional QC34 a 38R$ 396.46
Amil 200 Regional QC39 a 43R$ 436.11
Amil 200 Regional QC44 a 48R$ 545.14
Amil 200 Regional QC49 a 53R$ 599.65
Amil 200 Regional QC54 a 58R$ 749.56
Amil 200 Regional QC59 ou +R$ 1311.73

Quanto custa um plano de saúde Amil nRio de Janeiro

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Amil 400 QC0 a 18R$ 178.75
Amil 400 QC19 a 23R$ 223.44
Amil 400 QC24 a 28R$ 279.30
Amil 400 QC29 a 33R$ 307.23
Amil 400 QC34 a 38R$ 322.59
Amil 400 QC39 a 43R$ 354.85
Amil 400 QC44 a 48R$ 443.56
Amil 400 QC49 a 53R$ 487.92
Amil 400 QC54 a 58R$ 609.90
Amil 400 QC59 ou +R$ 1067.33

Quanto custa um plano de saúde Amil no Rio Grande do Norte

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Amil 200 Regional QC0 a 18R$ 197.29
Amil 200 Regional QC19 a 23R$ 246.61
Amil 200 Regional QC24 a 28R$ 308.26
Amil 200 Regional QC29 a 33R$ 339.09
Amil 200 Regional QC34 a 38R$ 356.04
Amil 200 Regional QC39 a 43R$ 391.64
Amil 200 Regional QC44 a 48R$ 489.55
Amil 200 Regional QC49 a 53R$ 538.51
Amil 200 Regional QC54 a 58R$ 673.14
Amil 200 Regional QC59 ou +R$ 1178.00

Quanto custa um plano de saúde Amil no Rio Grande do Sul

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Amil 900 QP0 a 18R$ 539.59
Amil 900 QP19 a 23R$ 674.49
Amil 900 QP24 a 28R$ 843.11
Amil 900 QP29 a 33R$ 927.42
Amil 900 QP34 a 38R$ 973.79
Amil 900 QP39 a 43R$ 1071.17
Amil 900 QP44 a 48R$ 1338.96
Amil 900 QP49 a 53R$ 1472.86
Amil 900 QP54 a 58R$ 1841.07
Amil 900 QP59 ou +R$ 3221.88

Quanto custa um plano de saúde Amil em São Paulo

PLANOFAIXA ETÁRIAVALOR
Amil 200 Regional QC0 a 18R$ 216.59
Amil 200 Regional QC19 a 23R$ 270.74
Amil 200 Regional QC24 a 28R$ 338.43
Amil 200 Regional QC29 a 33R$ 372.27
Amil 200 Regional QC34 a 38R$ 390.88
Amil 200 Regional QC39 a 43R$ 429.97
Amil 200 Regional QC44 a 48R$ 537.46
Amil 200 Regional QC49 a 53R$ 591.21
Amil 200 Regional QC54 a 58R$ 739.01
Amil 200 Regional QC59 ou +R$ 1293.27

Como contratar um plano de saúde Amil

A adesão pode ser feita com o auxílio de um corretor, para receber o contato de um é possível fazer a cotação em sites especializados.

Você receberá as propostas de acordo com o número de colaboradores que a organização possui e dos planos que estão disponíveis em sua região.

Verifique quais são as coberturas que cada um oferece, qual é mais interessante para os negócios e cabe no orçamento.

Feita a escolha, informe ao corretor para que ele providencie todos os trâmites para que possa cadastrar os funcionários e todos possam cuidar melhor da saúde.

Agora já tem uma ideia de quanto custa um plano de saúde Amil, que tal fazer uma cotação e descobri outras opções que sua empresa pode contar?

*Fonte: MulticalculoSaude. Consulta realizada em Maio/18.

*Este texto é de conteúdo editorial e não garante a comercialização deste produto nesse site.

*O PlanodeSaude.net não se responsabiliza pelos valores aqui mencionados, visto que o preço do plano pode variar conforme o perfil de cada beneficiário.