ENCONTRE SEU
PLANO DE SAÚDE
EM 30 SEGUNDOS!

ENCONTRE SEU PLANO DE SAÚDE EM 30 SEGUNDOS!

Saiba como escolher a melhor cobertura de um plano de saúde

Está pensando em contratar um serviço para cuidar do bem-estar físico e mental, mas não faz ideia de como escolher a melhor cobertura de um plano de saúde? Acompanhe este artigo e veja como realizar a escolha da cobertura certa para as suas necessidades.

Todos os brasileiros sabem que o serviço público de saúde no país não é dos melhores. Ele é composto por longas filas de espera, um atendimento ineficiente e, em muitos casos, pouca infraestrutura. Isso acaba obrigando as pessoas, com uma melhor condição financeira, a contratarem um plano de saúde mais completo.

No entanto, quando uma pessoa, ou família, decide contratar esse tipo de serviço, se depara com uma dúvida muito comum: como escolher a melhor cobertura de um plano de saúde? Se você está nesta situação e deseja descobrir como fazer essa escolha, acompanhe esse artigo e saiba tudo sobre o assunto.

Saiba como escolher a melhor cobertura de um plano de saúde

Conheça seu perfil para poder escolher a melhor cobertura de um plano de saúde

Além de estar atento às empresas que oferecem esse tipo de serviço, é importante que entenda plenamente o seu perfil e saiba identificar seu estilo de vida. Essa é uma dica relevante para poder escolher a melhor cobertura de um plano de saúde.

Primeiro, você precisa definir situações, como:

  • Você é solteiro ou casado?
  • Pretende se casar e construir uma família?
  • Tem filhos?
  • Deseja tê-los?
  • Qual sua faixa etária?
  • Quais são os serviços de saúde que você costuma utilizar mais?

Após responder essas perguntas, as possibilidades de cobertura de um plano de saúde ficarão um pouco mais claras. Entenda melhor nos exemplos a seguir.

Homens e jovens solteiros

Para esses dois perfis, sendo o segundo homem ou mulher, o tipo de cobertura mais indicada é aquela que ofereça atendimento ambulatorial e hospitalar. Assim, caso aconteça algum acidente mais grave, não haverá problemas relacionados à cobertura.

Mulheres ainda no período fértil

Para esse tipo de cliente, a cobertura mais indicada é a hospitalar com obstetrícia, assim, além de garantir atendimento médico e tratamentos em diversas situações, ela também terá acesso a todo o tratamento pré-natal e ao parto. Vale dizer que esta é uma opção indicada até mesmo para as mulheres que não planejam ter filhos, afinal, é comum acontecerem gestações inesperadas.

Crianças e idosos

Estes são dois períodos da vida em que toda a saúde merece uma atenção especial, por isso, o mais indicado é contratar um plano com cobertura ambulatorial e hospitalar (sem obstetrícia), de preferência que contenha cobertura odontológica. Vale lembrar que as crianças estão com seus dentes em formação e os idosos precisam de maiores cuidados devido ao enfraquecimento da carga dentária nesta fase da vida.

Conheça as coberturas dos planos de saúde

Com certeza você encontrará operadoras de planos de saúde que oferecem diferenciais em seus serviços, no entanto, existem tipos de coberturas e procedimentos que devem ser disponibilizados obrigatoriamente em todos os planos de saúde.

Segundo a Agência Nacional de Saúde (ANS), órgão responsável por fiscalizar e regulamentar este ramo, todas as empresas de planos de saúde devem oferecer pelo menos quatro tipos de coberturas com serviços pré-estabelecidos.

Para que você possa escolher a melhor cobertura, é preciso conhecer cada um desses tipos de planos e seus procedimentos. Por isso, separamos a seguir uma explicação completa sobre o assunto, acompanhe.

1- Plano ambulatorial

A cobertura ambulatorial é aquela que oferece consultas, realização de exames laboratoriais e de imagem, pequenas cirurgias (que não necessitem de internação), atendimento de urgências e emergências, remoção em casos de acidentes e problemas mais sérios. Também conta com consultas com especialidades como fonoaudiologia, psicologia, fisioterapia e outras, com um número restrito de sessões, além de tratamentos como radioterapia, quimioterapia, hemodiálise e outros.

2- Plano hospitalar

A cobertura hospitalar oferece atendimento em unidades hospitalares, com internações ou não, incluindo o uso de Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) ou Centro de Tratamento Intensivo (CTI), caso necessário. Procedimentos cirúrgicos com uso de anestesias, medicamentos, transfusões e cobertura para despesas de acompanhante para pacientes menores de idade, acima de 60 anos ou portadores de necessidades especiais.

Além disso, ele atende a tratamentos como quimioterapia, radioterapia, radiologia, fisioterapia, embolizações, hemoterapia e cirurgias oftalmológicas e de buco-maxilo-facial.

3- Plano hospitalar com obstetrícia

O plano hospitalar com obstetrícia, além de oferecer todos os tratamentos e possibilidades do plano hospitalar comum, também oferece atendimento aos procedimentos ligados à gestação e ao parto, como o tratamento pré-natal, o nascimento (seja ele natural ou cesárea) e o tratamento pós-parto, com assistência à saúde do recém-nascido.

4- Plano odontológico

A cobertura odontológica pode ser contratada individualmente ou junto com outras coberturas dos planos de saúde. Essa categoria atende a todos os procedimentos e tratamentos odontológicos, além de oferecer atendimentos de emergência e urgência.

Vale lembrar que essas coberturas citadas aqui são obrigatórias, ou seja, é possível que o plano de saúde que você esteja pesquisando ofereça mais do que apenas isso. Se quiser saber mais precisamente quais são todos os procedimentos obrigatórios, basta verificar a cobertura obrigatória dos planos de saúde no site da ANS.

É possível contratar mais de um plano de saúde?

Sim, é possível contratar mais de uma cobertura de plano de saúde em uma operadora do ramo. Independente de o serviço contratado ser individual, familiar ou coletivo, não existem impedimentos para a combinação de coberturas. Veja a seguir algumas combinações disponíveis:

Combinações de coberturas possíveis
Cobertura 01 Cobertura 02 Cobertura 03
Ambulatorial Hospitalar com obstetrícia
Ambulatorial Hospitalar sem obstetrícia
Ambulatorial Odontológico
Hospitalar sem obstetrícia Odontológico
Hospitalar com obstetrícia Odontológico
Ambulatorial Hospitalar sem obstetrícia Odontológico
Ambulatorial Hospitalar com obstetrícia Odontológico

Quais são as possibilidades de contratação de um plano de saúde?

Agora que você sabe como identificar seu perfil, e conhece as coberturas existentes e suas possibilidades de combinação, será muito mais simples escolher a melhor cobertura de um plano de saúde que atenda a todas as suas necessidades.

No entanto, pode ser que você esteja se perguntando quais são as possibilidades de contratação de um plano de saúde afinal, como mencionamos, os planos podem ser individuais, familiares ou coletivos. Acompanhe a seguir e entenda melhor cada uma dessas possibilidades.

1- Planos individuais

Como diz o nome, esse tipo de plano oferece serviços apenas para uma pessoa, com um valor que é definido conforme a cobertura escolhida e a idade do contratante. Ao adquirir um plano individual, saiba que você deverá arcar com mensalidades para ter acesso aos serviços.

Esse é um  plano de saúde muito indicado para pessoas que possuam doenças crônicas e precisem realizar acompanhamento médico com maior frequência.

2- Planos familiares

Esse tipo de plano funciona exatamente como o individual, no entanto, nele, além do contratante, é possível incluir mais pessoas na mesma cobertura, como: mãe, pai, cônjuge, filhos, enteados e dependentes. Aqui, o valor também será referente ao número de pessoas incluídas no plano e suas idades.

Nos dois tipos de planos, as coberturas podem ser definidas de acordo com a necessidade dos clientes e os procedimentos incluídos nelas. Aquilo que for contratado estará disponível para todos os participantes do plano, sem que nenhum valor, além da mensalidade, seja cobrado.

3- Planos coletivos

Os planos de saúde coletivos costumam ter mensalidades mais baratas que as outras opções apresentadas aqui. Vale dizer que, caso haja a necessidade de se realizar uma consulta, exame ou outro tipo de atendimento médico, esses procedimentos são cobrados a parte, porém, por um valor mais acessível que quando realizados de maneira particular.

Esse é um tipo de plano de saúde mais indicado para pessoas que não possuem a necessidade constante de acompanhamento médico.

Dicas para escolher a melhor cobertura de um plano de saúde

Se você deseja escolher corretamente uma cobertura de plano de saúde, contratando o serviço junto a uma operadora de qualidade, precisa conhecer alguns detalhes que necessitam de maior atenção no momento da contratação. Veja quais são eles:

1- Pesquise muito

Existem muitas operadoras de planos de saúde no Brasil, por isso, antes de assinar um contrato, pesquise com paciência e muita atenção. Analise as ofertas de serviços e preços e esteja atento aos detalhes.

2- Conheça a idoneidade da empresa

Antes de adquirir qualquer serviço, é importante que você conheça a idoneidade da organização. Para saber se uma operadora de planos de saúde é séria, confiável e funciona dentro dos padrões obrigatórios, basta realizar uma pesquisa rápida sobre a empresa junto ao site da ANS.

3- Verifique o nível de satisfação dos clientes da operadora

A melhor maneira de saber sobre a qualidade de uma empresa é pesquisando o nível de satisfação entre seus clientes. Procure conversar com pessoas que já possuam o plano que você deseja contratar. Outra maneira de saber se a operadora é realmente boa é verificar o nível de satisfação dos clientes junto ao site do Reclame Aqui.

4- Informe-se sobre o período de carência

Sempre que se contrata um plano de saúde, existe a necessidade de aguardar um período até que se possa usufruir de determinados serviços e procedimentos. Este tempo de espera é chamado de prazo de carência, e todas as empresas são sujeitas a esse protocolo. Por isso, antes de contratar um plano, verifique qual o período de carência da cobertura escolhida.

5- Conheça bem a cobertura escolhida

Não basta apenas escolher um tipo de cobertura para a contratação de um plano de saúde, é preciso conhecê-la bem antes de assinar o contrato. Pergunte sobre todos os procedimentos, atendimentos, tratamentos e exames inclusos, e, não se esqueça, veja também quais são as exclusões da cobertura.

6- Verifique a rede credenciada

Os planos de saúde costumam trabalhar com uma rede de profissionais, clínicas e hospitais credenciados à operadora para oferecer os serviços contratados. Antes de assinar o contrato com a empresa, verifique com atenção a rede de atendimento, veja quais são as clínicas, laboratórios, profissionais e hospitais disponíveis para o seu atendimento.

7- Abrangência territorial da cobertura

Se você é uma pessoa que viaja muito, pode ser interessante contratar um plano de saúde com abrangência nacional. No entanto, se viagens não fazem parte do seu dia a dia, uma cobertura regional pode ser mais adequada. Analise suas necessidades e verifique a abrangência de atendimento da opção escolhida.

8- Não minta no momento da contratação do serviço

Quando estiver preparando o contrato do plano de saúde, a empresa perguntará se você possui uma doença pré-existente que necessite de tratamento constante. Em hipótese alguma minta sobre esse aspecto a fim de conseguir valores mais baixos de contratação.

Caso tome esse tipo de atitude, além de alterar o período de carência para as suas necessidades, é possível que você perca a cobertura depois de contratada, sem nenhum direito a reembolso dos valores pagos.

Agora que você conhece mais sobre os tipos de coberturas e de planos de saúde, e viu algumas dicas de como contratar o melhor serviço para suas necessidades, será muito mais simples escolher a melhor cobertura de um plano de saúde individual ou familiar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.