dcsimg

ENCONTRE SEU
PLANO DE SAÚDE
EM 30 SEGUNDOS!

ENCONTRE SEU PLANO DE SAÚDE EM 30 SEGUNDOS!

Qual o seu DDD?


ou ver Listas Patrocinadas

O que é um plano de saúde?

Dificilmente alguém nuca tenha ouvido falar de plano de saúde, mas a verdade é que nem todo mundo sabe o que ele é ou como funciona.

O órgão que regulamente esse tipo de serviço é a Agência Nacional de Saúde Suplementar, também conhecida pelas siglas ANS.

Ele é quem define as regras para que os planos de saúde possam funcionar, quais são as operadoras autorizadas a atuar no país, quais serviços podem ser comercializados e outros.

Para ela, a definição de plano de saúde é: “Contrato de prestação continuada de serviços ou cobertura de custos assistenciais a preço pré-estabelecido ou pós-estabelecido, por prazo indeterminado, com a finalidade de garantir, sem limite financeiro, a assistência à saúde, pela faculdade de acesso e atendimento por profissionais ou serviços de saúde livremente escolhidos mediante o pagamento direto ao prestador, por conta e ordem do consumidor, às expensas da operadora.”

Clique aqui e faça a cotação do seu plano de saúde.

Em outras palavras, o plano de saúde é um serviço que se contrata por um período indeterminado. Nesse tempo a pessoa tem acesso a serviços de saúde conforme o que foi determinado no contrato.

O que é um plano de saúde?

Como ter um plano de saúde?

Para que se tenha acesso a um plano, é preciso contar com a ajuda de uma operadora de saúde. Essa é uma empresa que oferece esse tipo de serviço e, sendo assim ela vai comercializar determinados serviços.

Os planos só podem ser comercializados após receber autorização da ANS, sendo que cada um pode ser destinado a um público específico e conter coberturas diferenciadas.

Que tal cuidar da sua saúde agora? Aproveite e faça a cotação do seu plano de saúde.

Por isso, é preciso escolher um plano junto a operadora para conseguir ter acesso a assistência à saúde.

Quais são as coberturas oferecidas?

As coberturas são os procedimentos médicos, ambulatoriais e hospitalares que os planos de saúde oferecem. Isso pode ser diferente de um plano para outro.

Porém, existe uma lista chamada de rol, que determina os procedimentos mínimos que os planos devem cobrir. Além desses, fica a critério de cada operadora oferecer procedimentos ou atendimentos adicionais.

Um fato importante de ser ressaltado é que existem diferentes segmentos assistenciais, isso quer dizer que os planos podem cobrir apenas alguns serviços.

Por exemplo, quem opta por um plano hospitalar, não tem direito a consultas médicas e exames laboratoriais. Por outro lado tem acesso a internações hospitalares e algumas cirurgias.

Portanto, além de escolher o plano é preciso se atentar a segmentação e a todas as coberturas que eles oferecem, para depois não ter problemas na hora de usar.

O que você achou deste artigo? Sua avaliação é muito importante para nós!
Por favor, atribua uma nota:

avaliação
Rating

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.