ENCONTRE SEU
PLANO DE SAÚDE
EM 30 SEGUNDOS!

ENCONTRE SEU PLANO DE SAÚDE EM 30 SEGUNDOS!

Plano de saúde para gestante tem carência?

84,6% dos partos realizados na rede de saúde suplementar são feitos por cesariana. Descubra se o plano de saúde para gestante tem carência.

A gravidez é um momento especial, pois durante 9 meses uma nova vida está sendo gerada. Porém, a mulher precisa se preparar para esse momento e isso inclui pensar nos cuidados com a saúde.

Uma das opções é contratar um plano de saúde para gestantes, dessa forma, será possível receber todos os cuidados, desde a concepção até após o nascimento do bebê.

No Brasil, em 2015 foram realizados mais de 560 mil partos pelos planos de saúde e a grande maioria, 84,6% foi feito por cesárea, segundo dados obtidos pela ANS. Em 2016, houve uma queda do número de cesárea pela primeira vez no país, conforme mostra o gráfico:

Plano de saúde para gestante tem carência?

Fonte: Ministério da Saúde (Março/17)

Mesmo com o incentivo ao parto normal, esses números ainda continuam elevados, porém, com os cuidados recebidos durante a gestação, não há nenhum grande risco para a mãe e o bebê. Mas plano de saúde para gestante tem carência? Conheça melhor sobre o plano para grávidas.

Qual a diferença do plano de saúde para gestante?

As gestantes precisam ter atenção ao escolher um plano de saúde porque eles contam com diferentes coberturas e cada um disponibiliza um tipo de serviço diferente.

O ideal é que ao optar por um plano, ele contemple atendimento ambulatorial, hospitalar e obstetrícia.

O atendimento ambulatorial dá acesso a todos os exames, por exemplo, ao pré-natal. A cobertura hospitalar garante a internação eu será necessária após o parto e a obstetrícia cobre o parto em si.

Quem possui, por exemplo, um plano sem obstetrícia poderá realizar todos os exames utilizando esse serviço, porém, na hora do parto, terá de optar ou pelo serviço de saúde pública ou então pagar por ele.

Plano de saúde para gestante tem carência?

Um ponto de atenção é realizar a contratação do plano com bastante antecedência porque existe um período de carência a ser cumprido.

Isso significa que, após a adesão, mesmo pagando a mensalidade, será preciso aguardar um período para poder utilizar todos os serviços.

Os atendimentos de urgência e emergência são liberados rapidamente, em 24 horas. Porém, os demais demora bem mais tempo.

Para a realização de exames é preciso esperar 180 dias e a para parto a termo 300 dias. Por isso, é preciso se programar com antecedência de pelo menos 10 meses, dessa forma, poderá ter acesso a todos os cuidados pelo plano.

Os partos prematuros podem e devem ser atendidos pelos planos porque são considerados emergência e, nesse caso, não entram no período de carência.

Outra situação onde ocorre a isenção de carência é para planos coletivos ou empresariais com mais de 30 vidas.

A pessoa que é contratada pela empresa ou que se associa a uma entidade que oferece esse benefício tem 30 dias para fazer a adesão ao plano. Quando isso ocorre, ela fica isenta das carências, sendo preciso aguardar apenas 24 horas para ter acesso a todos os serviços.

Plano de saúde para gestante tem carência

Se eu fizer a portabilidade do plano durante a gravidez, perco a carência?

É possível fazer a portabilidade do plano durante a gravidez, nesse caso, estaria mudando de operadora.

No entanto, é preciso ficar atento a algumas regras para que nãos seja necessário cumprir todo o período de carência novamente.

  • A troca deve ser realizada para um plano equivalente;
  • A portabilidade deve ser feita no mês de renovação do contrato;
  • É preciso estar no plano de origem a pelo menos 2 anos.

Quais operadoras possuem plano de saúde para gestante?

A grande maioria das operadoras do mercado contam com opções de planos de saúde para gestante, sejam elas individuais, coletivos ou empresariais.

Dentre elas temos a: Unimed, Bradesco Saúde, SulAmérica, Amil, Hapvida e muitas outras. Portanto pergunte ao corretor quais oferecem esse serviço.

Preços de planos de plano de saúde para gestante

O preço do plano varia bastante de uma operadoras para outra porque depende do seu local de atuação e coberturas que são oferecidas que, em alguns casos, podem ir além do rol mínimo de procedimentos exigidos pela ANS.

Confira alguns dos valores praticados, sabendo que o plano de saúde para gestante tem carência.

OPERADORA PLANO FAIXA ETÁRIA VALOR
Unimed Guarulhos Essencial VI QP 29 a 33 R$ 295.05
GreenLine Green 61 QP 29 a 33 R$ 315.03
HapVida Pernambuco Mix QP 29 a 33 R$ 430.80
Unimed Manaus Municipal QP | C/ Obst. 29 a 33 R$ 681.35
Evangélico Saúde Personal Top Standard QC 29 a 33 R$ 234.82
Unimed Sergipe Univida Especial Plus QP 29 a 33 R$ 549.60
Assim Saúde Superior QP 29 a 33 R$ 639.3
Free Life Access 20 QC 29 a 33 R$ 162.79

Fonte: Multicalculosaude. Consulta em: Dezembro/2017

*O PlanodeSaude.net não se responsabiliza pelos valores aqui mencionados, visto que o preço do plano pode variar conforme o perfil de cada beneficiário.

2 Comentários

Diolene Ferreira Pinheiro

Olá

Preciso saber quanto está custando um parto particular, uma cesariana?

Att.

Comentar
Fabiana Ferreira

Boa tarde Diolene,

Obrigada por comentar no PlanodeSaúde.net,
Para fazer uma cotação de plano, visite nossa página e preencha o formulário clicando no link https://goo.gl/KvZ8Rp para que um corretor parceiro entre em contato com você e tire suas dúvidas.
Atenciosamente.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.