Descubra o preço
do seu
Plano de Saúde

Descubra o preço do seu Plano de Saúde

Os benefícios da maca peruana para a saúde física e mental

A maca peruana ajuda a fortalecer o sistema imunológico e melhorando o nível de energia e resistência. Cada vez mais popular, é uma planta nativa do Peru e está disponível em pó ou cápsulas.

A maca peruana explodiu em popularidade nos últimos anos. A raiz da maca tem sido tradicionalmente usada no Peru, onde é nativa, para aumentar a fertilidade e o desejo sexual. Também é indicada para melhorar a energia e resistência.

O que é maca?

Os benefícios da maca peruana para a saúde física e mental

Imagem: Google not filtered by license

A planta da maca, conhecida cientificamente como Lepidium meyenii, às vezes é chamada de ginseng peruano. Cresce principalmente nos Andes do centro do Peru, em condições adversas e em altitudes muito altas – acima de 4.000 metros.

A maca é um vegetal crucífero e, portanto, relacionado a brócolis, couve-flor e couve. Possui uma longa história de uso culinário e medicinal no Peru. A principal parte comestível da planta é a raiz, que cresce no subsolo. Existe em várias cores, como branco, vermelho e preto.

A raiz da maca é geralmente seca e consumida na forma de pó, mas também está disponível em cápsulas e como um extrato líquido. O sabor do pó da raiz da maca, que algumas pessoas não gostam, foi descrito como terroso e de noz. Muitas pessoas adicionam aos seus sucos, aveia e doces.

Vale a pena notar que a pesquisa sobre a maca ainda está em seus estágios iniciais.

Muitos dos estudos são de pequena amplitude, feitos em animais ou patrocinados por empresas que produzem ou vendem maca.

Os benefícios da maca peruana para a saúde física e mental

Imagem: Google not filtered by license

Veja 13 principais razões para consumir a maca peruana

1 – É altamente nutritivo

O pó da raiz da maca é muito nutritivo e é uma ótima fonte de várias vitaminas e minerais importantes. Possui vitamina C, cobre, ferro, potássio, vitamina B6 e manganês. Além disso, contém vários compostos vegetais, incluindo glucosinolatos e polifenóis.

2 – Fortalece o sistema imunológico

A maca peruana é fonte de vitaminas do complexo B, C e antioxidantes e por isso fortalece o organismo contra possíveis doenças. A maca também tem propriedades que trazem mais ânimo, combatem a fadiga e garantem uma maior sensação de bem-estar.

Saiba o preço do seu Plano de Saúde

Qual seu tipo de plano?

Simular

3 – Aumenta a libido em homens e mulheres

O desejo sexual reduzido é um problema comum entre os adultos. Por consequência, o interesse em ervas e plantas que naturalmente aumentam a libido é grande. A maca tem sido muito comercializada como sendo eficaz para melhorar o desejo sexual, e essa afirmação é apoiada por pesquisas.

Uma revisão de 2010, que incluiu quatro estudos clínicos, com um total de 131 participantes, encontrou evidências de que a maca melhora o desejo sexual após pelo menos seis semanas de ingestão.

Os benefícios da maca peruana para a saúde física e mental

Imagem: Google not filtered by license

4 – Pode aumentar a fertilidade nos homens

Quando se trata de fertilidade masculina, a qualidade e a quantidade de esperma são muito importantes. Existem evidências de que a raiz da maca aumenta a fertilidade dos homens. Uma revisão recente resumiu os resultados de cinco pequenos estudos. Ele mostrou que a maca melhorou a qualidade do sêmen em homens inférteis e saudáveis. Um dos estudos revisados incluiu nove homens saudáveis. Depois de consumir maca por quatro meses, os pesquisadores detectaram um aumento no volume, contagem e mobilidade dos espermatozoides.

5 – Pode ajudar a aliviar os sintomas da menopausa

A menopausa é definida como o tempo na vida de uma mulher em que seus períodos menstruais param permanentemente. O declínio natural do estrogênio que ocorre durante esse período pode causar uma série de sintomas desagradáveis. Estes incluem ondas de calor, secura vaginal, alterações de humor, problemas de sono e irritabilidade.

A maca age para equilibrar os hormônios e ajuda a amenizar os sintomas da menopausa, mas também da TPM e outros problemas relacionados ao desequilíbrio hormonal. Isso porque ela estimula a produção de hormônios importantes como testosterona, estrogênio e progesterona, evitando problemas hormonais.

Uma revisão de quatro estudos em mulheres na menopausa descobriu que a maca ajudou a aliviar os sintomas da menopausa, incluindo ondas de calor e interrupção do sono. Além disso, estudos em animais sugerem que a maca pode ajudar a proteger a saúde dos ossos e as mulheres têm maior risco de osteoporose depois da menopausa.

Os benefícios da maca peruana para a saúde física e mental

Imagem de Erwin Gabler por Pixabay

6 – Maca pode melhorar seu humor

Vários estudos mostraram que a maca pode melhorar seu humor. Tem sido associado à redução da ansiedade e dos sintomas de depressão, principalmente em mulheres na menopausa. A maca contém compostos vegetais chamados flavonóides, que foram sugeridos como sendo pelo menos parcialmente responsáveis por esses benefícios psicológicos. A maca pode reduzir a depressão e a ansiedade, especialmente em mulheres na menopausa.

7 – Pode aumentar o desempenho esportivo e a energia

O pó da raiz de maca é um complemento popular entre fisiculturistas e atletas. Tem sido indicado para ajudar a ganhar músculos, aumentar a força, aumentar a energia e melhorar o desempenho. Além disso, alguns estudos em animais indicam que ele melhora o desempenho de resistência.

Além disso, um pequeno estudo em oito ciclistas do sexo masculino descobriu que eles melhoraram o tempo necessário para concluir um passeio de bicicleta em quase 40 km após 14 dias de suplementação com extrato de maca. Atualmente, ainda não há evidências científicas para confirmar benefícios para a massa ou força muscular.

Os benefícios da maca peruana para a saúde física e mental

Imagem de skeeze por Pixabay

8 – Ajuda a memória e o processo de aprendizagem

De acordo com estudos, a maca peruana ajuda a melhorar as funções cognitivas como memória, raciocínio e concentração, contribuindo para o processo de aprendizado, devido a sua concentração de vitaminas do complexo B, que são importantes para o bom funcionamento do sistema nervoso.

9 – Quando aplicada à pele, a maca pode ajudar a proteger do sol

Os raios ultravioleta (UV) podem queimar e danificar a pele desprotegida e exposta.Com o tempo, a radiação UV pode causar rugas e aumentar o risco de câncer de pele.Existem evidências de que a aplicação do extrato de maca, uma forma concentrada da pode ajudar a proteger a pele da radiação UV.

Um estudo constatou que o extrato de maca aplicado na pele de cinco ratos durante um período de três semanas evitou danos à pele devido à exposição aos raios UV. O efeito protetor foi atribuído aos antioxidantes e glucosinolatos de polifenóis. encontrados na maca. Entretanto, o extrato de maca não pode substituir um filtro solar convencional. Além disso, apenas protege a pele quando aplicada à pele, não quando ingerida.

10 – Pode melhorar a aprendizagem e a memória

A maca pode melhorar a função cerebral. De fato, tem sido tradicionalmente usado por indígenas no Peru para melhorar o desempenho das crianças na escola. Em estudos com animais, a maca melhorou o aprendizado e a memória em roedores com comprometimento da memória. Nesse sentido, a maca negra parece ser mais eficaz do que outras variedades.

11 – Pode reduzir o tamanho da próstata

A próstata é uma glândula encontrada apenas nos homens. O aumento da próstata, também conhecido como hiperplasia prostática benigna (HPB), é comum em homens idosos. Uma próstata maior pode causar vários problemas com a passagem da urina, pois envolve o tubo através do qual a urina é expelida do corpo. Alguns estudos em roedores sugerem que a maca vermelha reduz o tamanho da próstata. Foi proposto que o efeito da maca vermelha na próstata está ligado à sua alta quantidade de glucosinolatos. Essas substâncias também estão associadas a um risco reduzido de câncer de próstata.

12 – Ajuda a perder peso

Por ser fonte de fibras alimentares, que prolongam a sensação de saciedade e ajudar o funcionamento do intestino, favorece a perda de peso. Tem efeitos que evitam problemas como possíveis inchaços abdominais. Uma boa dica é usar a maca para preparar chás, sucos e até temperar iogurtes.

13 – Beneficia a saúde do coração e equilibra o colesterol

A maca peruana ajuda a equilibrar os níveis de colesterol e, consequentemente, previne doenças do coração e da circulação. Além disso, o ômega 3 que contém ajuda a tratar focos de inflamação e melhora a circulação sanguínea.

Como usar Maca

A maca peruana pode ser facilmente incorporada à sua dieta. Pode ser tomada em cápsulas, como um complemento ou adicionada a sucos, aveia com frutas, assados, barras energéticas e muito mais.

A dose ideal para uso medicinal não foi estabelecida. No entanto, a dosagem do pó da raiz da maca usada nos estudos geralmente varia de 1,5 a 5 gramas por dia. Você pode encontrar maca em alguns supermercados, em lojas de produtos naturais e em vários varejistas online. Há também uma seleção muito boa disponível na Amazon com milhares de críticas interessantes.

Enquanto a maca amarela é o tipo mais facilmente disponível, tipos mais escuros, como vermelho e preto, podem possuir propriedades biológicas diferentes.

Segurança e efeitos colaterais

A maca é geralmente considerada segura. No entanto, os nativos do Peru acreditam que o consumo de raiz de maca fresca pode ter efeitos adversos à saúde e eles recomendam que seja fervida primeiro.

Além disso, se você tiver problemas de tireoide, deve ter cuidado com a maca. Isso porque contém goitrogênios, substâncias que podem interferir no funcionamento normal da glândula tireoide. É provável que esses compostos afetem quem já tiver comprometida a função da tireoide. Por fim, mulheres grávidas ou que amamentam devem consultar seus médicos antes de tomar maca. É preciso ter em mente que são poucos os estudos com a maca e muitos deles somente foram feitos em animais.

Embora a maca represente uma promessa, ela precisa ser estudada mais amplamente.

Regina Di Ciommo

Mestre e Doutora em Sociologia pela UNESP, pesquisadora na área de Ecologia Humana e Antropologia, Desenvolvimento e Sustentabilidade Ambiental, foi professora em cursos superiores de Sociologia e Direito, nos estados de São Paulo, Minas Gerais e Bahia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.