Descubra o preço
do seu
Plano de Saúde

Descubra o preço do seu Plano de Saúde

Você pode curar sua gastrite de maneira natural

Existem medicamentos naturais para o tratamento da gastrite, que podem substituir com vantagem os remédios mais potentes, que sempre trazem em si o risco de efeitos colaterais.

Entenda o que é a gastrite e veja algumas dicas que podem fazer você se livrar da gastrite, uma inflamação do estômago, que causa dor, ardência e mal estar.

Gastrite – sintomas e fatores de risco

A gastrite é uma denominação geral para um grupo de condições que tem uma coisa em comum: a inflamação do revestimento do estômago. A inflamação da gastrite é muito frequentemente resultado de uma infecção com a mesma bateria que causa a maioria das úlceras de estômago.

Você pode curar sua gastrite de maneira natural

Imagem: Steptohealth

O uso regular de remédios para a dor e o abuso na ingestão de álcool também contribuem para o desenvolvimento da gastrite. A gastrite pode ocorrer repentinamente, também chamada de “gastrite aguda” ou aparecer aos poucos ao longo do tempo, a “gastrite crônica”. Em alguns casos, a gastrite pode levar às úlceras e aumentar o risco de câncer do estômago. Para muitas pessoas, no entanto, a gastrite não é um problema sério e melhora rapidamente com tratamento.

Sintomas

Existem sinais e sintomas característicos de gastrite, mas existem casos de gastrite em que não há sintomas. Alguns são:

– Ardência, dificuldade em digerir os alimentos e dor no alto do abdômen, que pode piorar e, em alguns casos melhorar, com a ingestão dos alimentos.

– Náuseas

– Vômitos

– A sensação de inchaço e peso no estômago, depois de comer

Você pode curar sua gastrite de maneira natural

Imagem: Ayushology.com

Quando procurar um médico

Quase todo mundo já teve uma crise de indigestão ou irritação do estômago. Muitos casos de indigestão são de vida curta e não necessitam cuidados médicos. Mas um médico precisa ser consultado se ela se prolongar por muito tempo. Se você estiver tomando remédios prescritos que causaram o desconforto estomacal, especialmente medicamentos para dor e inflamação, é preciso informar ao médico. Se houver sangue no vômito ou ele parece escuro, um médico deve ser consultado imediatamente.

Causas e fatores de risco.

O enfraquecimento ou lesão da barreira musculosa que protege a parede de seu estômago permitem que o seu suco gástrico danifique e inflame o revestimento do estômago. Várias doenças e condições que podem aumentar o risco de gastrite:

Saiba o preço do seu Plano de Saúde

Qual seu tipo de plano?

Simular

 – Infecção bacteriana

Apesar da infecção por Helicobacter pylori estar entre as mais comuns no mundo, apenas algumas pessoas com a infecção desenvolvem gastrite ou desordens gastrointestinais. Os médicos acreditam que a vulnerabilidade é herdada ou causada pelo estilo de vida, como fumar e má alimentação.

 – Uso constante de medicamentos para dor

Os medicamentos para alívio da dor mais comuns, como aspirina, paracetamol, diclofenaco e ibuprofeno (Advil e outros) podem causar gastrite aguda e crônica. O uso constante desses medicamentos reduz a chance de recuperação do tecido de revestimento do estômago.

 – Idade avançada

A idade avançada traz um maior risco de gastrite, porque o revestimento do estômago tende a ser mais fino com a idade e porque adultos mais velhos têm mais chance de ter uma infecção ou distúrbio autoimune do que os mais jovens.

 – Ingestão excessiva de álcool

O álcool irrita e desgasta o revestimento do estômago, o que o torna mais vulneráveis aos sucos gástricos.

Você pode curar sua gastrite de maneira natural

Imagem: Universityhealthnews

– Estresse

Os estados de estresse como cirurgias, ferimentos, queimaduras e infecções graves podem causar gastrite aguda. Estados emocionais de estresse como divórcio, perda de um ente querido, demissão do emprego, também podem levar à gastrite.

 – Gastrite autoimune

A chamada gastrite autoimune é o tipo que ocorre quando o seu corpo ataca as células que forram as paredes do estômago, removendo a sua camada protetora. Ela é comum em pessoas com desordens imunológicas, incluindo a doença de Hashimoto e a diabete tipo 1. Pode também estar associada a uma deficiência de vitamina B-12.

 – Outras condições

A gastrite pode estar associada a outras condições médicas, incluindo o HIV/AIDS.

Dicas para o tratamento da gastrite

  1. Um das principais recomendações médicas é evitar ficar com o estômago vazio durante muito tempo. Isto porque os próprios ácidos estomacais pioram a gastrite. Devemos fazer uma pequena refeição logo pela manhã, porque já ficamos sem ingerir alimento durante toda a noite. Durante o dia, o intervalo entre as refeições não pode ultrapassar 3, no máximo 4 horas.
  2. Você deve evitar tomas aspirinas e anti-inflamatórios para a dor. Eles rapidamente danificam os tecidos do estômago.
  3. O consumo de álcool também leva à gastrite e à ulcera. Com o estômago vazio, o chá, o café e o álcool aumentam a gastrite.
  4. Evite a pimenta. As comidas apimentadas atacam o revestimento estomacal, impedem a boa circulação do sangue e irritam a mucosa, com o risco de até sangrar. A pimenta é um dos alimentos que provocam a gastrite.
  5. O “café da manhã” não deve conter propriamente café, que é contraindicado para quem tem gastrite.
  6. Consuma mel de abelha em jejum. Ele fortalece as paredes do estômago e é bactericida. Coloque 2 colheres de chá de mel em um copo com água morna e tome com o estômago vazio. A acidez vai diminuir e as paredes vão se curar de maneira natural.
  7. Tome uma colher de sopa de azeite de oliva em jejum. Se não conseguir tomar o azeite puro, coloque em uma pequena quantidade de leite morno. Isso vai reduzir a irritação.
  8. Antes das principais refeições coma uma colher de chá de cebola crua, ralada, o que vai ajudar a cicatrizar até úlceras.
  9. No café da manhã, consuma banana amassada com uma xícara de iogurte, o que é muito bom para curar e evitar qualquer dor da gastrite.
  10. Beber muita água diariamente, aproximadamente 8 copos por dia.
  11. Não comer em excesso. Você deve dividir as refeições em porções menores, tomar um lanche no meio da manhã, para não ficar com muita fome antes do almoço. E um lanche à tarde.
  12. Coma devagar. É importante mastigar bem os alimentos, o que facilita a digestão.
  13. Prepare um pó com sementes secas de mamão, que você pode secar ao sol. Elas podem ser adicionadas a qualquer fruta que for consumir.
  14. Faça uma mistura de erva doce, canela e cardamomo tostados e tome meia colher de chá após o almoço e o jantar.
  15. Depois das refeições, tome uma pitada de sal negro, para eliminar a causa de gastrite e úlceras. O sal negro pode ser adicionado a suco de salsinha puro. É excelente para curar a gastrite e melhora o apetite.
  16. A melhor erva para curar o estômago é o gengibre. Rale um pequeno pedaço e consuma fresco, em meia colher de chá, duas vezes ao dia. Pode ser misturado ao suco de cebola ou incluído em vitaminas, sopas e outras receitas.
Você pode curar sua gastrite de maneira natural

Imagem: Nit.pt

Para curar a gastrite com a alimentação

Além das dicas para a cura da gastrite de maneira natural, é muito importante consumir os alimentos que previnem os danos ao estômago e ajudam a sua recuperação, tais como:

  1. Peras – são eficazes graças aos taninos, favorecendo qualquer transtorno digestivo, como gastrite, úlceras e diarreia.
  2. Iogurte natural
  3. Coalhada natural
  4. Aveia
  5. Água de Coco
  6. Suco de cenoura
  7. Folhas verdes
  8. Carnes magras

Alimentos que podem agravar a gastrite e precisam ser evitados. São eles:

  1. Massas
  2. Leite
  3. Chás
  4. Frutas cítricas
  5. Chocolate
  6. Feijão
  7. Bebidas alcoólicas
  8. Alimentos picantes e embutidos

Para aliviar a gastrite consumindo frutas

Existem frutas indicadas para quem tem gastrite. Teste a fruta que faz você se sentir melhor, de acordo com o seu caso. É possível solucionar o problema da gastrite sem recorrer a remédios, mas de maneira natural.

Você pode curar sua gastrite de maneira natural

Imagem: Guiadasemana.com

1 – Banana

A banana é um alimento suave, que regula o pH do estômago, age como remédio alternativo para a acidez e o ardor da gastrite.

Você pode curar sua gastrite de maneira natural

Imagem: Sfagro.uol

2 – Mamão

Esta fruta é um remédio natural para a gastrite, possuindo fibras dietéticas e enzimas que facilitam a digestão. O mamão alivia a inflamação, a sensação de peso e a azia.

3 – Pêssego

O pêssego contém propriedades anti-inflamatórias, laxantes e diuréticas. Suas fibras e nutrientes controlam a irritação da mucosa do estômago, ajudando a diminuir a dor e a inflamação.

4 – Maçã

A maçã contém pectina, que em contato com a água e líquidos protege a mucosa gastrointestinal. Comer duas maçãs diariamente diminui a produção excessiva de sucos gástricos e alivia a inflamação.

10 Comentários

Marilene Nunes Leal

Olá! Tenho gastrite moderada há anos e nunca fiquei boa. Quando está pior, sinto queimação e dor ao me alimentar melhor o quando tomo mel de abelha não faz piorar a gastrite?

Att

Comentar
Andréia Silveira

Bom dia, Marilene!

Obrigada por comentar no PlanodeSaúde!

É aconselhável buscar ajuda de um profissional especializado.

Para fazer uma cotação de plano, visite nossa página e preencha o formulário clicando no link https://goo.gl/KvZ8Rp para que um corretor parceiro entre em contato com você e tire suas dúvidas.

Atenciosamente!

Comentar
Andréia Silveira

Bom dia, Lina!

Obrigada por comentar no PlanodeSaúde!

Para fazer uma cotação de plano, visite nossa página e preencha o formulário clicando no link https://goo.gl/KvZ8Rp para que um corretor parceiro entre em contato com você e tire suas dúvidas.

Atenciosamente!

Comentar
Vera de Jesus

Olá,

Agradecida, vou seguir este tratamento natural, agradeço pela ajuda eu tenho muita queimação e vou sarar com este tratamento.

Att.

Comentar
Fabiana Ferreira

Boa tarde Vera,

Obrigada por comentar no PlanodeSaúde.net,
Por favor, entre em contato também com um responsável da saúde para que possam tirar sua dúvida.

Att.

Comentar
Fabiana Ferreira

Boa tarde Augusto,

Obrigada por comentar no PlanodeSaúde.net,
Que bom que gostou.

Atenciosamente.

Comentar
Ovasse Farnela Campine

Olá bom dia,

Gostei da dica, pois ajuda a minimizar os problema da minha mãe.

Att.

Comentar
Fabiana Ferreira

Boa tarde,

Obrigada por comentar no PlanodeSaúde.net,

Att.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.