dcsimg

ENCONTRE SEU
PLANO DE SAÚDE
EM 30 SEGUNDOS!

ENCONTRE SEU PLANO DE SAÚDE EM 30 SEGUNDOS!

Qual o seu DDD?


ou ver Listas Patrocinadas

Caso Neymar: fratura na vértebra pode ter recuperação rápida

Caso Neymar: fratura na vértebra pode ter recuperação rápida

Fonte: placar.abril.com.br

A fratura na vértebra terá recuperação rápida com repouso e fisioterapia, se existir bom condicionamento muscular

Apesar da dor intensa, onde é difícil qualquer movimento e até mesmo um espirrar pode ser terrível, a fratura na vértebra pode se consolidar após repouso e um tempo de fisioterapia que pode ser de 4 a 5 semanas.

Mas isso ocorre no caso de atletas ou esportistas que já possuem bom condicionamento físico e boa memória muscular. No caso de uma pessoa sedentária, serão necessários mais exercícios, na proporção de sua debilidade muscular, porque o repouso provoca uma atrofia muscular ainda maior. O tratamento para recuperação não envolve, portanto, apenas profissionais da medicina, mas são importantes os cuidados da fisioterapia.

O jogador da seleção brasileira Neymar Jr sofreu uma fratura no processo transverso da terceira vértebra lombar, durante o jogo Brasil x Colômbia, pelas quartas de final da Copa do Mundo. É muito provável que será um processo de recuperação com consolidação simples, que não deixará sequelas, porque a região fraturada está distante da medula espinhal.

Clique aqui e faça a cotação do seu plano de saúde.

Lesões na medula podem levar à paraplegia

Caso Neymar: fratura na vértebra pode ter recuperação rápida

Fonte: http://www.clebertoledo.com.br

Uma fratura na vértebra na região lombar sempre leva a uma grande preocupação. Isso porque a fratura nesse local pode levar à paraplegia. O craque Neymar Jr., da seleção brasileira, escapou, portanto, de uma tragédia, bem maior do que seu afastamento dos jogos da Copa 2014. Segundo o Dr. Mário Oliveira Lima, Coordenador do Curso de Fisioterapia da Universidade do Vale do Paraíba, o jogador escapou por pouco de perder o movimento das pernas.

O golpe que Neymar Jr recebeu na região lombar poderia levar a esse triste destino. No entanto, apesar da situação crítica, com cuidados especiais e repouso poderá ser conseguida a recuperação completa, a partir da 6ª. semana de tratamento. Quando o corpo fica em repouso já se inicia a recuperação da lesão. Durante esse período, o jogador usará uma cinta de imobilização.

De acordo com Turíbio Leite de Barros, fisiologista do São Paulo F.C. durante 25 anos, se o choque fosse mais forte Neymar teria consequências piores. O que ocorre é que a medula e as raízes nervosas são protegidas pela vértebra e um trauma violento pode atingir a medula, levando à perda da sensibilidade.

O repouso é essencial

Qualquer tratamento de fratura no processo transverso na vértebra é semelhante, mas quando ocorre na região lombar, a imobilização é conseguida com uma cinta, ao passo que quando ocorre na região cervical é utilizado um colar cervical.

Que tal cuidar da sua saúde agora? Aproveite e faça a cotação do seu plano de saúde.

Este tipo de fratura deve ser tratada primeiramente com o repouso. O paciente não pode ser imobilizado com gesso, que afetaria a capacidade respiratória. Entretanto, uma cinta é utilizada, o que ajuda a descansar. Além disso, é preciso permanecer deitado, por um tempo de repouso que varia conforme a idade e a capacidade do paciente de seguir o tratamento. As dores são muito fortes, o que também impede qualquer movimento mais brusco. A média de tempo do repouso costuma ser de duas a três semanas.

Após o repouso inicial, a pessoa inicia a fisioterapia, se for constatado que já ocorreu a consolidação do osso. Durante esse período são administrados remédios para dor. Se ocorrer movimento antes da consolidação completa irá ocorrer uma aumento do processo inflamatório e mais demora na consolidação. Tentar mascarar a dor com procedimentos invasivos, como infiltrações, não resolve o problema e só adia a recuperação óssea.

O procedimento cirúrgico nesses casos é totalmente descartado, por causo dos riscos de infecções e sequelas, além de não ser necessário para a consolidação óssea.

Fisioterapia para recuperar a função normal da coluna

Caso Neymar: fratura na vértebra pode ter recuperação rápida

Fonte: http://www.meon.com.br

A fisioterapia deve ser iniciada após o repouso e a consolidação óssea, para que ligamentos e tendões voltem a seus movimentos normais, após a imobilização para proteger a região lesionada.

O papel do fisioterapeuta é importante, para orientar os exercícios que recuperam a função da coluna vertebral, como flexões, extensões, rotações, etc. Um atleta precisa realizar fisioterapia todos os dias, durante no mínimo quatro a cinco semanas. Pessoas que tem atividade mais sedentária podem fazer a fisioterapia três vezes por semana, durante até dois meses.

Tudo é mais rápido na recuperação de um atleta porque seus músculos guardam uma memória maior de grau ótimo de funcionamento. Quanto mais sedentário o paciente for, mas exercícios terá que fazer depois da fisioterapia.

Lesões na coluna vertebral – um grande risco para os jogadores de futebol

Lesões na coluna vertebral não são frequentes no futebol e são sempre de grande risco. Para o futuro será necessário rever as regras sobre a proibição de jogadas de grande risco para os atletas, o que é decisivo no futebol. A Copa do Mundo no Brasil mostrou que os juízes evitaram utilizar o cartão vermelho e também o amarelo para coibir a violência em campo, por recomendação da Fifa, que prefere que o show televisivo não seja interrompido e que haja ação e emoção em campo, à custa da saúde dos jogadores.

Para o Dr. Guilherme Foizer, especialista em cirurgia da coluna vertebral, as fraturas das vértebras da região lombar geralmente são menos graves do que nas vértebras da região cervical. Entretanto, a fratura que Neymar sofreu, no processo transverso da L3 pode levar a consequências sérias, como danos ao rim, já que houve fratura na ponta do osso e a vértebra está próxima das vísceras.

No caso de um atleta de bom preparo físico, a musculatura é bem condicionada e alongada, o que colabora para que o trauma não tenha consequências mais sérias. É o que se pode chamar de “sorte”, mas que sirva de alerta para todos, dentro e fora do futebol!

Compartilhe esse artigo nas redes sociais:
O que você achou deste artigo? Sua avaliação é muito importante para nós!
Por favor, atribua uma nota:

avaliação
Rating

13 Comentários

edimilson lavor da silva

Bom dia. Tive uma queda de uma escada de três metros de altura e fraturei a vértebra L1, o médico disse que era grave mas eu caminho normal. Ele me passou o colete, gostaria de saber se volto a trabalhar normal e quanto tempo vou demorar, sou condutor socorrista do SAMU, a queda foi no dia 18/11/2014, me ajude a esclarecer, mas meu medico ainda não descartou a possibilidade de cirurgia, ajude a me esclarecer.

Grato.

Comentar
Alexandre Andrade Furtunato

Bom dia. Minha 2ª vértebra lombar trincou com a 4º e a 5ª em um acidente de moto, já consigo levantar mas minha perna esquerda está com dificuldade para levantar, estou usando cinta do quadril até o abdômen, tomando desinflamatório, quero saber como devo fazer para me recuperar logo? Se devo parar de me movimentar na cama, levanto uma vez por dia só para ir ao banheiro.

Obrigado.

Comentar
Lucca

Alexandre, eu fraturei a L1(fratura de explosão e compressão), mas eu moro fora do Brasil. Eu não sei quais os pormenores do seu caso, mas meus médicos aqui me disseram que eu não deveria passar muito tempo deitado, que eu deveria caminhar, pois ficar deitado aumenta o risco de trombose. Pelo que você conta, eu acho que você deve perguntar isso a um médico o quanto antes. Se você ficar muito tempo deitado, precisa tomar um remédio para evitar a trombose. Você deveria procurar um especialista o quanto antes e perguntar sobre tudo. Eu tive que comprar um banco para tomar banho, tinha que usar a cinta sempre que levantava da cama, e sempre tirei para deitar e comecei a fazer fisioterapia para fortalecer a musculatura e não forçar a coluna. Usei o colete por 4 semanas e fiz um raio-x a cada 10 dias para acompanhar se não houve movimentação. Boa sorte e consulte um médico o quanto antes (peça uma segunda opinião!).

Comentar
Alexandre Andrade Furtunato

Oi eu eu já fiz 60 dias que estou na cama onde eu moro n tem muito recursos,eu andava já sem sentir dores, mais me agachei para cossar os pes e voltou tudo novamente,tudo sencivel dolorido,os médicos da minha cidades eles são praticamente assassinos eles n ligao para o parciente,eu tenho recursos para viajar pra fora, mais n aguento viajar porque sinto dor na região lombar se ficar muito tempo fora da cama, a capital mais próxima da minha região fica a 2 horas de avião eles só Aseitao passageiros sentados estou comendo de força ,útima vês que forcei quase infexiona,Mato sem cachorro.
,valeu!

Comentar
Teodolina

Olá,
Eu tive uma fratura na L7 já faz 6 meses, senti muitas dores nos primeiros 3 meses e não sabia a causa, mas depois que fiz um raio X, o médico descobriu e mandou eu usar um colete. Já se passaram quase 6 meses, e ainda sinto muitas dores nas costas, não só no local da fratura, mas em toda região. Gostaria de saber se isso é normal ou será que tem algo a mais, já que o meu acidente foi bem violento. Estou muito preocupada, podem me ajudar?

Obrigada

Comentar
Sanaira Silveira

Boa noite Teodolina,

Agradecemos sua mensagem
Peço que procure um profissional especializado para tirar sua dúvida
Caso você tenha interesse em fazer uma cotação de plano de saúde, o planodesaude.net é o melhor lugar.
Visite nosso site e faça sua cotação!
Preencha o formulário em nossa página //www.planodesaude.net e receba todas as informações necessárias para a realização de sua proposta.

Obrigada!

Comentar
Bernadete Freimuller

Bom dia,

Tenho 52 anos quebrei a vértebra L 2, tenho passagem marcada para 8 de dezembro, a fratura esta estável e não tenho dores forte, posso viajar?

Obrigada

Comentar
Sanaira Silveira

Bom dia Bernadete,

Obrigada por comentar no planodesaude.net,
Melhor você pedir orientação para seu médico, para saber se está tudo bem para viajar.
Caso você tenha interesse em fazer uma cotação de plano de saúde, visite nosso site e preencha o formulário para que um de nossos vendedores entre em contato com você.

Abraço

Comentar
Alexandra

Olá,

Conheço alguém com a mesma situação, a minha dúvida é como fazer a higiene quando tomar banho, já que o ortopedista disse para não tirar o colete durante um mês.

Obrigada

Comentar
Dayanna

Olá, sofri acidente jogando vôlei e acabei caindo e fraturou L5, médico me passou colete para usar por 90 dias. Já tem 1 mês e 6 dias do acidente. Agora as dores são menores, e já me levanto sozinha pra ir no banheiro e comer. Mas passo maior tempo deitada porque quando fico muito tempo em pé ou sentada dói. Tenho medo porque o médico disse que se não colar no lugar certo terá que fazer cirurgia. Queria saber se mesmo tendo essa melhora em conseguir fazer algumas coisas sozinha tenho que fazer fisioterapia?

Obrigada

Comentar
Sanaira Silveira

Bom dia Dayanna,

Obrigada por comentar no planodesaude.net,
Entre em contato com seu médico, ele saberá o que é melhor para você.
Caso você tenha interesse em fazer uma cotação de plano de saúde, visite nosso site e preencha o formulário para que um de nossos vendedores entre em contato com você.

Abraço

Comentar
H

Bom dia,

Há 1 mês começaram fortes dores nas costas, região lombar a princípio, achei que fosse o Nervo Ciático, passei por consulta com Ortopedista e no RX constatou lesão na vértebra L4, que não faço ideia de como aconteceu, estou medicada e ainda sinto dores, farei uma Ressonância Magnética para esclarecer e descartar possíveis causas. Não faço uso do colete pois não me foi recomendado pelo médico.
Estou preocupada pois sinto dores o tempo todo e irradiam pelas pernas.

Att.

Comentar
Sanaira Silveira

Boa tarde,

Obrigada por comentar no planodesaude.net,
Caso você tenha interesse em fazer uma cotação de plano de saúde, visite nosso site e preencha o formulário para que um de nossos vendedores entre em contato com você.

Atenciosamente.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.